Conhecidas extensões de navegadores podem estar escondendo malwares

Por Redação | 21 de Janeiro de 2014 às 15h50

As regras amplas demais para a disponibilização de extensões e a pouca verificação de tais lançamentos pode acabar causando problemas para os usuários do Firefox e Chrome. Pelo menos é o que mostra uma lista que está sendo compilada pelo site How-To Geek, reunindo diversos plug-ins que escondem malwares, rastreadores e outros problemas para a máquina dos usuários.

A lista inclui até mesmo extensões amplamente usadas. É o caso, por exemplo, do Hola Unblocker, que serve para liberar sites com restrições de região, ou o Hover Zoom, que facilita a visualização de galerias ampliando as imagens assim que o usuário passa o mouse sobre elas.

O principal problema encontrado é o registro de informações de uso, com dados sobre sites acessados, serviços utilizados e anúncios clicados sendo enviados de volta para as empresas de marketing. Muitas das extensões possuem opções para que tal função seja desativada – é o caso do Hover Zoom, por exemplo – mas, muitas vezes, o usuário pode nem mesmo perceber que tais opções estão funcionando.

A recomendação é, claro, desinstalar imediatamente qualquer extensão suspeita ou que possa estar apresentando comportamento malicioso. O Google, oficialmente, afirma fazer revisões constantes nos add-nos disponíveis para o Chrome e, inclusive, chegou a remover uma série delas em uma limpeza recente na loja online de aplicativos. A segurança do ambiente, porém, ainda permanece longe da ideal.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.