SBT lança streaming de músicas para competir com o Spotify no Brasil

Por Jessica Pinheiro | 02 de Julho de 2018 às 08h00
SBT Hits

E eis que, como quem não quer nada, o SBT resolve lançar uma plataforma de streamings de músicas intitulada SBT Hits. Um serviço do gênero que conta com o nome do Silvio Santos assinado embaixo não poderia ser ruim, certo? Bem, infelizmente não é bem assim.

Nesta sexta-feira (29), testamos aqui no Canaltech como funciona o serviço web e nos deparamos com algumas inconsistências, a começar pelo registro. Apesar do design chamativo e completamente contrastante com o Spotify e o Deezer, apostando em uma paleta mais clean e vibrantemente colorida, a plataforma oferece 7 dias de testes gratuitos, e o melhor: não é necessário um cartão de crédito para executar o cadastro.

Geralmente os serviços que oferecem um período de testes exigem os dados do cartão de crédito, mesmo que você não vá adquirir o produto depois que acabar o tempo grátis. Um ponto positivo é que, neste quesito, o SBT Hits cumpre com a promessa e oferece até mesmo a opção de se cadastrar com o Facebook, tornando muito simples e prático, de fato.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

E aí começam as grandes diferenças entre o SBT Hits e os outros serviços de streaming de música. Afinal, não estamos falando aqui de uma grande biblioteca de álbuns e músicas que você tem acesso a bel prazer, podendo pesquisar por qualquer artista ou canção à vontade para montar uma playlist própria. Não: aqui, você já tem as listas de reproduções prontas, e apenas as escuta.

(Imagem: Canaltech)

Não é possível procurar por músicas específicas, tampouco por álbuns. Apenas playlists, as quais são bastante variadas, diga-se de passagem. Desde lista de reprodução típica para malhar na academia, até as mais incomuns como música paran ouvir enquanto você assa um bolo; existe uma enorme variedade de listas, isso não há como negar.

Há ainda as playlists especiais temáticas de artistas do SBT. A primeira que chamou a atenção foi a da Eliana. Não que seja imprescindível saber o que a apresentadora geralmente escuta, mas logo que clicamos para verificar a lista de reprodução dela, surgiu o segundo baque: “Seu período de testes acabou”. Ou seja: para verificar o que a Eliana, o Ratinho, o Celso Portiolli e tantos outros famosos (e personagens icônicos também) ouvem em seus fones de ouvido, é preciso assinar o serviço.

Contudo, a mensagem deixa claro que o serviço é direcionado para um segmento extremamente especifico. Nicho do nicho, com playlists prontas e a impossibilidade de alterá-las ou montar uma própria, bem como listas reprodução para promover artistas e personagens que encantam as crianças na tela.

Mas, sabe a pior parte? Não tem trilhas sonoras das novelas mexicanas, e nem aquelas cantigas antigas cantaroladas por Silvio Santos que marcaram nossos inocentes ouvidos durante muitos carnavais em outra época. Aliás, não encontramos nenhuma playlist do "patrão" também. A sensação ao descobrir que a lista de reprodução “As melhores do SBT Hits” não tem a Thalia cantando o tema da Maria do Bairro, e nem a música tema do Programa Fantasia, só não é pior do que quando o Rouge anunciou que ia se separar.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.