Marmita express: Uber Eats lança opção para pratos a partir de R$ 9,99

Por Bruno Salutes | 13 de Junho de 2020 às 12h10
Reprodução: Uber Eats

O Uber Eats é, como seu nome sugere, a plataforma para delivery de restaurantes idealizada pela Uber. Presente em diversas cidades do país, a plataforma está ganhando uma novidade interessante para quem está acostumado a usar serviços de entrega de comida e busca economizar nas refeições do dia a dia.

O Caseirinho é a opção que viabiliza o almoço da semana a preços acessíveis, com pratos que custam a partir de R$ 9,99 e oferecem acompanhamentos, entre eles, segundo a Uber, há filé de frango, strogonoff e feijoada, por exemplo.

A função estava em fase de testes com usuários selecionados nas cidades de Belo Horizonte, Goiânia, Fortaleza e Curitiba. Agora, de acordo com a empresa, o Caseirinho passará a ser uma opção para todos os usuários do Uber Eats gradualmente, começando por São Paulo.

A expansão do Caseirinho é possível graças a uma parceria com a empresa Sapore, que atua no mercado de restaurantes corporativos, escolas e espaços de alimentação há 30 anos.

"Diariamente, produzimos mais de 1,3 milhão de refeições no Brasil. Para nós, o desafio de tornar o Caseirinho uma realidade é uma oportunidade para crescermos juntos, pois nossas atividades são complementares. Começando por seis pontos em São Paulo e brevemente atenderemos a marca em outras grandes capitais, como Rio de Janeiro, Manaus e Porto Alegre, com possibilidade de atuação em âmbito nacional. Por já estarmos presentes em todo o país, conseguimos garantir o padrão das refeições, que serão as mesmas, onde quer que você peça", diz Daniel Mendez, fundador e presidente da Sapore.

Caseirinho é a opção de marmita express do Uber Eats / Foto: Uber (Reprodução)

Principal concorrente do Uber Eats, o iFood conta com o Loop, serviço que oferece uma proposta similar, de marmitas com preço fixo de R$ 9,90, sem taxa de entrega e agendável, permitindo que o usuário escolha a opção de almoço que deseja receber no dia anterior.

Segundo a Uber, o Eats está agregando o Caseirinho a plataforma em um momento onde a demanda pelo delivery aumentou devido à pandemia da COVID-19, que tornou o serviço ainda mais completo com opções que vão além dos pratos de comidas e marmitas, como Pet Shop, farmácias, lojas de conveniência e floriculturas.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.