Microsoft adquire serviços do BlueTalon e investe em privacidade e segurança

Por Nathan Vieira | 29 de Julho de 2019 às 15h00
Tudo sobre

Microsoft

Saiba tudo sobre Microsoft

Ver mais

Nesta segunda-feira (29), a Microsoft anunciou que está adquirindo os serviços da BlueTalon, uma empresa responsável por fornecer privacidade de dados e ajudar outras empresas a definir políticas de como seus funcionários podem ter acesso aos dados. Essas políticas são reforçadas nos ambientes de dados mais populares. Além disso, a empresa recém-contratada pela Microsoft também é conhecida por fornecer ferramentas para auditoria de diretivas e acesso.

Os detalhes financeiros dessa parceria não foram apresentados oficialmente. No entanto, a Crunchbase estima que a arrecadação da empresa estava em torno de US$ 27,4 milhões (o equivalente a R$ 103 milhões), com a Bloomberg Beta, a Maverick Ventures, a Signia Venture Partners e o fundo StartX da Standford presente em seu time de investidores.

Microsoft fala sobre a nova aquisição

Microsoft destaca capacidade de garantir o uso correto de dados

Frente aos novos serviços contratados pela empresa, Rohan Kumar, VP corporativo da Microsoft, escreveu: “O IP e o talento adquirido através do BlueTalon trazem uma expertise única no ápice do big data e da segurança”. Kmar ainda explicou o que a BlueTalon pode agregar para a Microsoft: “Essa aquisição aumentará nossa capacidade de capacitar empresas de todos os setores para que se transformem digitalmente, garantindo o uso correto de dados com governança de dados centralizada em escala por meio do Azure”.

Em outras palavras, a BlueTalon vai fazer parte do grupo de Governança de Dados do Microsoft Azure (plataforma baseada nos conceitos da computação em nuvem, destinada à execução de alguns serviços e aplicativos), onde a equipe trabalhará para aprimorar os recursos da Microsoft em relação à privacidade e governança de informações. A Microsoft já oferece ferramentas de controle de acesso e governança para o Azure. Como praticamente todas as empresas se tornam mais centradas em dados, a necessidade de controles de acesso centralizados que funcionem entre sistemas só vai aumentar, e novas leis de privacidade de dados não estão facilitando esse processo.

O posicionamento da BlueTalon

CEO da BlueTalon aponta que ficou impressionado com a Microsoft

Por sua vez, o próprio CEO da BlueTalon, Eric Tilenius, também usou a internet para falar sobre as novidades, por meio de um comunicado: "À medida que começamos a explorar oportunidades de parceria com vários provedores de nuvem hiper espalhada para melhor atender nossos clientes, a Microsoft nos impressionou profundamente. A equipe do Azure Data foi especialmente pensativa e visionária quando se trata de governança de dados. Achamos o ajuste perfeito para nós em missão e cultura. Então, quando a Microsoft nos pediu para unir forças, aproveitamos a oportunidade”.

Fonte: Tech Crunch

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.