BlackBerry processa Facebook alegando violação de patentes

Por Ramon de Souza | 06 de Março de 2018 às 16h58
TUDO SOBRE

Facebook

Após tentar (sem sucesso) processar a Nokia em fevereiro do ano passado, a BlackBerry desta vez resolveu iniciar uma batalha jurídica contra o Facebook. De acordo com um comunicado enviado pela própria fabricante canadense à imprensa internacional, a acusação é de infração de patentes — a rede social teria utilizado, em seu aplicativo Messenger, alguns recursos originalmente criados para a clássica plataforma de comunicação instantânea BBM, presente em todos os smartphones da BlackBerry.

“Nós podemos afirmar que o Facebook infringiu nossas propriedades intelectuais, e, após anos de diálogo, temos a obrigação com nossos acionistas de perseguir os devidos recursos legais”, comentou a companhia. Entre os recursos que a BlackBerry diz terem sido roubados, destacam-se protocolos de notificação de mensagens, integração entre múltiplos serviços, criptografia de dados e até mesmo a inclusão de games dentro do bate-papo. O processo também lista o WhatsApp e o Instagram como infratores.

À CNBC, Paul Grewal, conselheiro geral do Facebook, afirmou que a rede social pretende lutar contra as alegações. “O processo da BlackBerry tristemente reflete sua atual condição no mercado de mensageiros. Tendo abandonado seus esforços em inovar, a BlackBerry agora pretende taxar a inovação alheia”, afirmou o executivo. Embora a canadense não tenha especificado um montante em dinheiro, seu objetivo é, conforme o documento, receber “indenizações por lucros perdidos”.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Fonte: CNBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.