Receita da Sony cresce, mas empresa ainda registra prejuízo

Por Redação | 31 de Outubro de 2013 às 14h06

A Sony liberou os resultados financeiros do seu segundo trimestre fiscal, encerrado em setembro de 2013. Eles apresentam bons e maus resultados, dependendo do referencial.

A receita cresceu 10,6% chegando a 18,1 bilhões de dólares, mas isso não foi suficiente para segurar o prejuízo de 197 milhões de dólares no período. Enquanto a divisão de dispositivos móveis teve forte crescimento, a divisão de entretenimento foi a maior responsável pelas perdas.

A divisão de dispositivos móveis teve receita de 4,27 bilhões de dólares, um aumento de 39% na comparação com o mesmo período do ano passado. Já a divisão de imagem (a responsável pela produção de filmes), mesmo tendo aumento na receita, registrou prejuízo de 181 milhões de dólares.

Para o próximo trimestre, a Sony espera vendas menores de TVs, câmeras digitais e PCs do que havia previsto anteriormente. A projeção de lucro para o ano caiu 40%, de 50 bilhões de yen para 30 milhões de yen (cerca de 300 milhões de dólares).

A divisão de games, pelo menos, permaneceu com as mesmas previsões. A Sony espera vender cerca de 5 milhões de unidades do seu novo console, o PlayStation 4, até o final de março. O PlayStation 3, seu antecessor, vendeu 3,5 milhões de unidades no mesmo período de tempo. A empresa também prevê que as vendas de smartphones como o Xperia Z, que ficou entre os três mais vendidos em 20 países, segundo a Sony, continue crescendo nos próximos meses.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.