Já imaginou suas encomendas entregues por drones voadores? A Amazon sim

Por Pedro Cipoli | 02.12.2013 às 02:53

Os drones já estão aí há algum tempo, mas poucos pensaram neles como alguma coisa realmente útil. Alguns ainda tiveram a manha de equipá-los com uma câmera e fazer gravações em situações mais específicas, mas, muitas vezes, ele é visto como um brinquedo. A Amazon pensou diferente, e pretende utilizá-los para realizar entregas de produtos para seus consumidores em menos de 30 minutos.

Naturalmente, há limitações de peso e tamanho que devem ser observadas, mas como uma boa quantidade de produtos que compramos é composta por coisas pequenas, como livros e smartphones, eles podem ser bastante úteis. O serviço será chamado Amazon Prime Air e será composto por "octocópteros" (drones com 8 hélices) que entregarão os produtos de forma autônoma para quem contratar o serviço.

A previsão de lançamento do Amazon Prime Air é para 2015, e ainda necessita da aprovação da Federal Aviation Administration (FAA), agência reguladora de tráfego aéreo dos EUA. É de se imaginar que colocar milhares de drones no ar poderia causar alguns problemas, não é? Mas Jeff Bezos se mostrou confiante de que tudo dará certo e vários fabricantes de drones estão interessados no projeto, já que isso pode significar uma boa receita.

Dando certo, a primeira geração de drones (se é que dá para falar nesses termos) poderá carregar encomendas de até 5 libras (cerca de 2,27 kg) até uma distância de 10 milhas (16 km), ou seja, engloba tablets, smartphones, livros, câmeras digitais e assim por diante, levando-os até locais próximos em relação aos depósitos da Amazon. E você aí esperando vários dias úteis, hein? Já imaginou receber a sua compra 30 minutos após finalizar o pedido?

via techCrunch