Bitcoins batem pico de US$ 900 e caem para US$ 650 em 30 minutos

Por Redação | 19 de Novembro de 2013 às 14h32

No começo do mês, um estudante norueguês descobriu que tinha se tornado milionário depois que o seu pequeno investimento de cerca de R$ 60 em Bitcoins tinha sido valorizado e agora vale R$ 1,9 milhão. Mas se ele estivesse esperado mais duas semanas, seu lucro teria sido muito maior.

Desde o momento que o governo americano começou a discutir sobre a regulamentação das moedas virtuais, o mercado de Bitcoins tem crescido exponencialmente. Na semana passada ele atingiu o valor de US$ 400 para cada Bitcoin, e no domingo chegou aos US$ 500.

Mas ontem, segunda-feira (19), o valor das Bitcoins explodiu, alcançando um pico de US$ 900 por unidade, mas logo em seguida caiu para US$ 650. A variação durou apenas 30 minutos.

O pico de ontem, provavelmente, pode ser atribuído ao fato do Departamento de Justiça Americano ter declarado que as Bitcoins podem ser utilizadas como “meios legais de trocas” e de Ben Bernanke, chefe do Sistema de Reserva Federal dos Estados Unidos, ter dito que “as Bitcoins podem ser uma promessa em longo prazo”, embora ele também tenha dito que o órgão não pretende regulá-las.

No final do dia de ontem, as Bitcoins estavam valendo US$ 770 a unidade, e hoje estão valendo um pouco menos de US$ 700.

Cotação Bitcoins

Apesar dos altos valores, investir em Bitcoins ainda é um pouco arriscado. Em abril de 2013, o valor da Bitcoin atingiu um pico de US$ 266 (cerca de R$ 580 em cotações atuais), para despencar logo depois para um valor de US$ 50 (R$ 110). Desde então, o valor da Bitcoin tem tido grandes flutuações. Mais recentemente, com a queda do Silk Road (mercado que era conhecido por comercializar drogas na internet), despencou para US$ 30 (R$ 65) em um dia e alcançou US$ 197 (R$ 430) novamente, em outubro.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.