Microsoft cria sistema operacional com Linux pela primeira vez na história

Por Wagner Wakka | 18 de Abril de 2018 às 08h21

A Microsoft apresentou nesta segunda-feira (16) o Azure Sphere, um novo sistema focado em internet das coisas com o objetivo de proteger aparelhos como processadores de dispositivos inteligentes. Contudo, isso criou uma questão simples, mas curiosa: pela primeira vez a Microsoft vai distribuir uma versão própria do Linux.

“Depois de 43 anos, este é o primeiro dia em que estamos anunciando - e distribuindo - um kernel de Linux personalizado", disse o presidente da Microsoft, Brad Smith, em evento.

Para garantir a funcionalidade do Azure Sphere, a Microsoft teve de utilizar uma versão do software que é considerado o principal concorrente do Windows em termos de sistema operacional com código aberto.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Uma mistura de hardware e software, o Azure Shepere oferece uma opção segura para empresas que queiram trabalhar com dispositivos de internet das coisas. O problema é que o Windows foi considerado um sistema pesado demais para a proposta, o que levou Redmond a trabalhar em uma versão própria do Linux, que foi batizada de Azure Sphere OS.

Tanto o aparelho quanto o sistema operacional vão trabalhar conectados a um sistema em nuvem para garantir a atualizações de segurança constantes nos próximos 10 anos, garante a Microsoft. A proposta é de que o hardware chegue ao mercado ainda este ano.

Fonte: Microsoft Blog

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.