Dell Technologies quer mesmo percentual de homens e mulheres na empresa até 2030

Por Redação | 08 de Abril de 2020 às 15h39

Como parte dos compromissos divulgados por Michael Dell no documento Progress Made Real – no qual estabeleceu uma série de metas globais que resolvam grandes problemas da sociedade até 2030 –, a Dell Technologies anunciou a criação de um Comitê de Diversidade e Inclusão no Brasil.

O objetivo do grupo, formado por colaboradores da companhia, é acelerar as iniciativas que contribuam para que a empresa não só cumpra os objetivos para os próximos dez anos, mas, principalmente, construa uma cultura ainda mais diversa e inclusiva no país, garantindo que um número maior de brasileiros tenha oportunidades de crescimento e prosperidade.

Entre as metas já estabelecidas pelo grupo está o compromisso de, até 2030, ter o mesmo percentual de homens e mulheres entre os colaboradores da Dell Technologies no Brasil, com pelo menos 40% de pessoas do sexo feminino em cargos de liderança. Da mesma forma, em dez anos, a companhia pretende ampliar as ações de diversidade associadas a negros, LGBTQ+ e pessoas com deficiência, bem como quer intensificar as ações de sustentabilidade.

Também entre os compromissos firmados pelo Comitê está o de, nos próximos dois anos, impactar 100% dos colaboradores da Dell Technologies no Brasil com informações, conteúdos e eventos voltados a debater a questão de preconceitos inconscientes, assédio, microagressões e privilégios, conteúdo no treinamento fundamental chamado MARC (Many Advocating Real Change).

“No Brasil, a Dell Technologies já tem sete grupos de diversidade e inclusão que promovem ações voltadas a conscientizar e influenciar a sociedade sobre questões relevantes e que contribuam para um país no qual um número cada vez maior de brasileiros consiga ter oportunidades de prosperar”, afirma Luis Gonçalves, presidente da Dell Technologies no Brasil. “Entre os exemplos de ações, implementamos um projeto que, por meio de inovações tecnológicas, aumentou a acessibilidade de pessoas com deficiência na fábrica da companhia em Hortolândia e que transformou-se em um exemplo e caso de sucesso para a Dell Technologies no mundo”, acrescenta.

Os grupos de diversidade e inclusão da Dell Technologies no Brasil são:

Women in Action é o grupo voltado a proporcionar o desenvolvimento profissional e condições de igualdade para todas as mulheres que trabalham na empresa.

BNA (Black Network Alliance) o primeiro grupo da América Latina que visa a igualdade de oportunidades profissionais independentemente de cor de pele.

PRIDE é um dos grupos de diversidade formado com o objetivo de incentivar o ambiente de tolerância e respeito a diversidade de orientação sexual na Dell. Além de divulgar interna e externamente os valores de respeito existentes na empresa.

True Ability é o grupo de diversidade que estimula a inclusão das pessoas com deficiência. O projeto de acessibilidade na fábrica de Hortolândia permitiu, graças a soluções tecnológicas desenvolvidas pelo LEAD (Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da Dell Technologies), empregar cerca de 80 pessoas com deficiência na linha de produção.

GenNext, grupo que reúne jovens da geração Y e interessados no tema, para e discutir novas formas de trabalho que promovam a realização pessoal e profissional dos jovens.

Planet é um grupo de funcionários que dedica tempo e esforço para promover e implementar atividades que tenham um impacto positivo no meio ambiente.

Conexus visa conectar as pessoas, independentemente de onde, quando ou como elas trabalham, criando um ambiente de trabalho colaborativo.

As metas globais da Dell Technologies até 2030

Nos próximos dez anos, a Dell Technologies usará sua escala global, seu amplo portfólio de produtos e sua experiência para gerar impacto significativo e mensurável na sociedade e no planeta. Até 2030, as metas da empresa são:

Cultivar a inclusão

· Realizar a contratação, desenvolvimento e retenção de mulheres, para que assim elas alcancem a meta de 50% da força de trabalho global e 40% da gerência de pessoas globalmente;

· Promover a educação para 95% de todos os membros da equipe anualmente com temas sobre preconceitos inconscientes, assédio, microagressões e privilégio.

Transformar vidas

· Continuar avançando em oportunidades de saúde, educação e economia para 1 bilhão de pessoas;

· Transformar digitalmente 1.000 organizações sem fins lucrativos;

· Atingir a meta de 75% dos membros da equipe participando de programas voltados à caridade e voluntariado nas comunidades.

Avançar em questões de sustentabilidade

· Reciclar um produto equivalente para cada unidade vendida;

· Liderar a economia circular com mais da metade de todo do material utilizado para produção de novos equipamentos sendo reciclados ou renováveis;

· Usar 100% de materiais reciclados ou renováveis em todas as embalagens;

· Oferecer programas de desenvolvimento de habilidades visando o futuro para trabalhadores na cadeia de suprimentos;

· Reduzir as emissões de gases de efeito estufa em 60% por receita gerada até 2030, ao conduzir um programa abrangente que impacte fábricas, cadeias de suprimento e soluções utilizadas pelos clientes.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.