Qualcomm consegue suspender processo em caso antitruste nos EUA

Por Se Hyeon Oh | 26 de Agosto de 2019 às 11h10
Reprodução
Tudo sobre

Qualcomm

Saiba tudo sobre Qualcomm

Ver mais

Desde o início deste ano, a Qualcomm vinha tendo dores de cabeça com acusações de prática de monopólio no mercado de processadores mobile, mas, pelo visto, ela vai conseguir dar um breve respiro. Isso porque, de acordo com a Reuters, a empresa conseguiu, na última sexta-feira (23), suspender parcialmente uma determinação aplicada pela Justiça dos EUA.

O processo foi registrado pela FTC (Comissão Federal de Comércio dos EUA) e, em 21 de maio deste ano, a juíza Lucy Koh havia determinado que a fabricante deveria rever seus contratos e modificar o seu modelo de negócio, visto que, na visão dela, a Qualcomm estava violando as leis comerciais americanas. A gigante dos processadores esteve, desde então, tentando recurso na Justiça.

Ela argumentava que a aplicação integral das punições causaria um grande impacto nas negociações com os fabricantes de smartphones no que diz respeito aos dispositivos 5G e, com a suspensão obtida na sexta (23), algumas dessas punições ficarão suspensas enquanto o pedido de apelação é tratado pelos tribunais em paralelo.

Com a divulgação desta decisão, as ações da Qualcomm subiram por um breve momento, mas acabaram apresentando uma queda de 0,7% no fechamento do pregão, com as ações cotadas a US$ 76,62 (R$ 314,91).

Fonte: Venture Beat

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.