Plataforma quer ajudar advogados na adaptação à transformação digital

Plataforma quer ajudar advogados na adaptação à transformação digital

Por Redação | 09 de Fevereiro de 2020 às 07h00
Pixabay

Formados em Direito interessados em continuar os estudos, seja para participar de concursos públicos, seja para começar uma pós-graduação, vão ter a opção de fazer isso sem precisar se locomover diariamente. A Federal Educação - empresa especializada em cursos preparatórios para concursos públicos e de pós-graduação em direito - criou a plataforma Federal Law, cujo objetivo é oferecer cursos à distância, que poderão ser feitos no smartphone ou no tablet.

A ideia é oferecer “infoprodutos”, que o profissional poderá adquirir por valores que variam entre R$ 497 até R$ 997. São cursos rápidos para ensinar truques e dar dicas para audiências e para o trabalho geral da advocacia. Por enquanto, três infoprodutos já estão confirmados. 

São eles: “Mestre das audiências trabalhistas”, cujo objeto é apresentar informações “que os livros não trazem, os advogados não contam e os juízes não gostam”; “10 passes para o sucesso no direito esportivo” e, fechando, “Oratória e comunicação 4.0 para profissionais do direito”, que ensina algumas técnicas para receber mais atenção no mundo jurídico.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A oferta inicial acontece na primeira semana de março, mas o site já vai ao ar na metade de fevereiro, no endereço www.federallaw.com.br. De acordo com a empresa, estão sendo construídos sete estúdios na Av. Paulista para a produção do conteúdo, com investimento de mais de R$ 1 milhão.

O Grupo Federal Educação tem o Federal Law sob coordenação pedagógica do professor e advogado Luiz Cláudio Lopes Moreira, que soma mais de 30 anos de experiência nas áreas trabalhista, cível, comercial, autoral, propriedade intelectual e terceiro setor.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.