Bitcoin passa a valer mais de US$ 14 bilhões e bate recorde

Por Redação | 22 de Dezembro de 2016 às 10h39

O bitcoin experimentou uma alta de 5% na manhã desta quinta-feira (22) e atingiu seu maior valor em três anos, mais do que dobrando seu valor somente neste ano de 2016. Com isso, a somatória de criptomoedas em circulação no mundo bateu um novo recorde e atingiu US$ 14 bilhões.

De acordo com a Bitstamp, cada bitcoin agora está sendo comercializada ao equivalente a US$ 875, maior valor registrado desde janeiro de 2014. O valor impressiona, principalmente se levarmos em consideração que no começo do ano cada bitcoin correspondia a US$ 435.

Naquela época, analistas indicavam que o baixo valor não duraria muito tempo, já que o yuan, dinheiro usado na China, passava por uma desvalorização e isso contava a favor do bitcoin. Com o numerário em baixa, os chineses começaram a adquirir mais bitcoins, o que contribuiu para a alta registrada hoje.

Apesar disso, o melhor momento do bitcoin foi registrado no fim de 2013, quando cada moeda chegou a valer US$ 1.163. O problema é que naquela época não havia tanto dinheiro circulando na forma da criptomoeda, algo só foi acontecendo nos anos seguintes. Hoje, com mais bitcoins em circulação, o valor total do dinheiro criptografado ultrapassou a marca dos US$ 14 bilhões.

Fonte: Reuters

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.