A palavra "lésbica", quando buscada no Google, não vai mais trazer pornografia

Por Nathan Vieira | 09 de Agosto de 2019 às 10h33

Até alguns dias atrás, se você jogasse a palavra "lésbica" no Google, encontraria em primeiro lugar um número expressivo de links relacionados a sites adultos, vídeos e coisas do tipo. No entanto, o maior mecanismo de busca do mundo resolveu mudar isso reformulando seu algoritmo. Com a mudança, a partir desta semana, a palavra em questão passa a trazer conteúdos institucionais sobre orientação sexual e artigos voltados à saúde da mulher lésbica, ou até mesmo notícias.

Essa iniciativa surgiu com a proposta de combater a hipersexualização da mulher lésbica e começou como uma hashtag, #SEOlesbienne, promovida por uma página ativista da França. Várias reclamações de ativistas de inúmeros países apoiadores da hashtag foram direcionadas ao mecanismo de busca da Google.

Bandeira da visibilidade lésbica (Foto: Anistia Internacional)

"Acho que esses resultados são terríveis, não há dúvida sobre isso", disse a vice-presidente de qualidade de motores de busca da Google, Pandu Nayak, em entrevista à mídia francesa Numerama. “Estamos cientes de que existem problemas como este em muitas línguas e desenvolvemos algoritmos para melhorar essa pesquisa, um após outro".

Depois da repercussão, a empresa não demorou a anunciar oficialmente a mudança no buscador, que já passou por uma situação parecida no passado: na ocasião, buscar pelas palavras “menina” e “adolescente” também exibia sites pornográficos antes que as alterações do algoritmo fossem feitas.

A hipersexualização das mulheres lésbicas também foi o principal assunto abordado pela página espanhola Orgullo Vallekano no Dia da Visibilidade Lésbica, em abril deste ano, algo que repercutiu no Twitter. Foi feito um ensaio fotográfico com frases como "se eu tentar com as duas, posso conseguir com alguma" e outras frequentemente usadas para associar as lésbicas ao sexo.

Fonte: El País

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.