Spot: o [pertubador] "cão-robô" da Boston Dynamics já está à venda

Por Rui Maciel | 25 de Setembro de 2019 às 11h20
Boston Dynamics

Ele já abriu portas, rebocou automóveis, passou por "sessões de chutes" de seus criadores e também já saiu trotando alegremente por campos verdejantes. E depois de todos esses suplícios, o Spot, uma espécie de cão-robô criado pela Boston Dynamics, finalmente está à venda.

Mas, muita calma nessa hora: o autômato em questão não poderá ser encontrando em uma Amazon da vida. Pelo menos inicialmente, ele não estará disponível ao grande público e será vendido apenas para empresas, que devem preencher este formulário para adquirir uma unidade do robô e também explicar os motivos para a compra do robô. Confira abaixo o trailer de lançamento:

O preço do Spot não foi divulgado pela Boston Dynamics, mas, ele não deve sair por menos de algumas boas dezenas de milhares de dólares. Além disso, seu estoque será um tanto quanto limitado, já que sua fabricante já afirmou que consegue produzir cerca de mil unidades até o final do ano.

A grande questão aqui é saber como eventuais interessados no Spot farão uso dele. O robô traz um complexo sistema de câmeras e sensores e é capaz de se movimentar em qualquer direção e em quase todo tipo de terreno, o que inclui subir e descer escadas e levantar sozinho caso sofra alguma queda. Sua velocidade máxima é de 5km/h e sua autonomia é de 90 minutos, mas ele traz baterias removíveis, que podem ser trocadas. Além disso, ele consegue ainda carregar pesos de até 14 quilos, a partir de dois compartimentos e é resistente a temperaturas extremas, que podem variar entre -20º e 45º, trazendo ainda o IP45, que garante proteção contra poeira e chuva, o que não quer dizer que ele possa ser mergulhado em uma piscina, por exemplo.

Ainda que a venda do Spot deva ficar restrita a empresas e ambientes muitos específicos, o início de sua venda é uma boa notícia. Afinal, é provável que muitos dos seus compradores tentem customizar e aperfeiçoar o robô, aumentando o seu escopo de uso. Além disso, a receita gerada pelas vendas permitirá a Boston Dynamics usar o dinheiro para financiar o desenolvimento de novos robôs.

Fonte: Boston Dynamics

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.