Como prolongar a autonomia da bateria de seu notebook?

Apesar de o mercado de computadores desktop e notebooks estar enfraquecendo perante a popularidade dos tablets e smartphones, não há como negar a versatilidade de um bom laptop para executar tarefas relativas a trabalho ou lazer, de forma mais confortável e beneficiando-se de uma maior potência e compatibilidade de softwares.

Entretanto, um problema antigo de qualquer dispositivo eletrônico sempre foi uma pedra no sapato de quem usa notebook no dia-a-dia: a pouca autonomia da bateria. Infelizmente a tecnologia de criação de baterias não conseguiu evoluir tanto na computação móvel e apesar de contarmos com computadores mais eficientes e potentes, continuamos dependendo da tomada ao longo de um dia de trabalho.

Alguns pequenos ajustes no sistema operacional podem ajudar a fazer a carga da bateria de um notebook durar mais tempo. Confira agora algumas dicas para ajudá-lo a ficar o máximo de tempo possível longe de uma tomada.

Assista Agora: Saiba quais são os 5 maiores problemas das empresas brasileiras e comece 2019 em uma realidade completamente diferente.

Ajustes no plano de energia do Windows

O Windows oferece alertas na área de notificação para avisar o usuário quando a bateria do notebook está com pouca energia. Para acessar e personalizar essas configurações, clique com o botão direito sobre o ícone de bateria próximo ao relógio e clique em "Opções de Energia";

Bateria de notebook

Clique na opção "Alterar configurações do plano" e em "Alterar configurações de energia avançadas". Na janela que se abrir, expanda a opção "Bateria" e personalize quando as notificações de bateria fraca e de bateria em carga crítica deverão ser exibidas pelo sistema. Valores recomendados para conservar sua bateria e evitar desgastes por ciclos de carga são de 20% para bateria baixa e de 10% para bateria crítica.

Bateria de notebook

Hibernar é melhor do que suspender

A função de suspensão é bastante útil, pois permite que se salve o estado de uso do computador e reinicialize-o rapidamente. O problema é que a suspensão guarda as informações de sessão e de programas abertos na memória RAM do notebook, que precisa consumir energia para se manter funcionando. Isso faz com que o computador não desligue completamente, entrando em modo de espera (stand-by).

A melhor escolha nesse caso é evitar usar a suspensão e utilizar a hibernação, que salva essas mesmas informações no disco rígido e não na memória RAM, o que permite que o notebook desligue completamente.

Para ativar a hibernação no Windows 7 e 8.x, basta acessar as configurações de energia, clicar na opção "Escolher a função dos botões de energia", depois em "Alterar configurações não disponíveis no momento". Na parte de baixo da tela, marque a opção "Hibernar".

Bateria de notebook
Bateria de notebook

Regule o brilho do monitor

O monitor também pode consumir bastante energia da bateria de um notebook dependendo do nível de brilho dele. Caso não seja necessária uma boa iluminação da tela, convém diminuir o brilho do monitor para poupar energia.

Bateria de notebook

Elimine processos desnecessários

Programas e processos rodando sem necessidade também podem drenar energia da bateria. Ao abrir o Gerenciador de Tarefas (Ctrl + Shift + Esc) é possível verificar quais processos podem estar rodando sem necessidade e ordenar que eles parem de funcionar.

Mas tome cuidado, pois alguns processos são importantes para o funcionamento do computador e desativá-los pode causar problemas de funcionamento no seu Windows.

Bateria de notebook

Desligue tudo que não estiver usando

Se você não está utilizando conexão Wi-Fi ou Bluetooth no momento (caso esteja usando conexão cabeada com a Internet e caso não utilize periféricos conectados via Bluetooth, como um mouse sem fio), desligue essas conexões em seu notebook. Elas ficam funcionando mesmo que você não as use diretamente - verificando novas redes Wi-Fi disponíveis, por exemplo - o que evidentemente consome energia.

Bateria de notebook

Essas são algumas dicas para ajudar você a prolongar a autonomia da bateria de seu notebook, permitindo que você trabalhe e se divirta por mais tempo, sem depender de uma fonte externa de energia.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.