Operação prende responsáveis por site que oferecia "aluguel" de ataques DDoS

Por Ramon de Souza | 25 de Abril de 2018 às 16h21
The Network Effect

Uma operação global liderada por forças policiais do Reino Unido e da Holanda resultaram no fechamento do site WebStresser, que oferecia a locação de infraestrutura computacional para ataques de DDoS (que sobrecarregam o servidor alvo até que ele fique fora do ar). Além de desativar a página, as autoridades prenderam seis criminosos acusados de gerenciar o serviço na Escócia, Croácia, Canadá e Sérvia.

O WebStresser tinha mais de 136 mil clientes registrados e oferecia sua infraestrutura por aproximadamente 10 libras (cerca de R$ 48) por ataque. Os consumidores só precisavam se registrar, pagar a taxa (através de métodos convencionais ou usando criptomoedas) e indicar a vítima do ataque. Em novembro de 2017, a plataforma foi usada para atingir instituições bancárias do Reino Unido.

Visto que a equipe por trás do site operava em nível global, a operação também contou com apoio da Espanha, da Itália, da Alemanha, da Austrália, de Hong Kong, do Canadá e dos Estados Unidos; e a Europol também participou da ação. Os servidores do Webstresser estavam concentrados nos EUA, na Alemanha e na Holanda, e alguns de seus “maiores” clientes também foram detidos ao redor do mundo.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Fonte: HackerNews

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.