Siga o @canaltech no instagram

Novo vazamento expõe e-mails e senhas de cerca de 773 milhões de contas

Por Wagner Wakka | 17 de Janeiro de 2019 às 17h16

Um vazamento recente coloca em alerta boa parte dos internautas mundo afora: aproximadamente 773 milhões de contas de e-mail foram vazadas online, juntamente com suas respectivas senhas. Um pacote com 87 GB separados em 12 mil arquivos foi descoberto pelo pesquisador em segurança Troy Hunt, que baixou o documento no site de armazenamento na nuvem Mega.

Em post no seu blog, Hunt informou que os arquivos estão de certa forma bastante bagunçados e não parecem ter muito padrão. Isso dificulta a entender qual a escala do vazamento e qual foi a origem destes dados.

O pacote tem uma pasta chamada de "Coleção 1" com 772.904.991 de contas de e-mails e um total de 21.222.975 senhas. Há e-mails sem senhas por conta da falta de organização. “Hackers sendo hackers, eles quase nunca formatam seus dados de um jeito fácil de se consumir”, pontua Hunt. Como os dados não totalmente estruturados, algumas senhas e e-mails não podem ser ligados entre si, apesar de constarem no conjunto de informações. No total, isso resulta em mais de 1 bilhão de combinações de e-mails e senhas possíveis. Ainda, ele disse que há informações relacionadas a mais de 200 mil bancos de dados diferentes, o que torna difícil de entender como este hacker conseguiu tanta informação.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

“No entanto, o que posso dizer é que meus dados pessoais estão lá e são precisos; endereço de e-mail correto e uma senha que usei há muitos anos. Como muitos de vocês que estão lendo isto, eu estive em várias violações de dados antes que resultaram em meus endereços de e-mail e, sim, minhas senhas, circulando em público. Felizmente, apenas senhas que não estão mais em uso, mas eu ainda tenho o mesmo sentimento de desânimo que muita gente tem ao ler isso, quando eu as vejo aparecer novamente”, confessou o pesquisador.

Em seu blog, ele mostra como teve acesso ao arquivo no Mega. Ele notificou a plataforma e a pasta não mais faz parte do acervo em nuvem.

Quer saber se você teve seu e-mail ou senha vazado e saber se você também foi exposto? Basta colocar seu endereço na procura do site Have I Been Pwned?. A plataforma diz se seu e-mail apareceu em alguma lista e mostra quais foram os vazamentos nos quais sua conta está inserida.

Caso você seja um dos expostos neste vazamento, a recomendação é de que troque a senha de todos os seus serviços imediatamente. Outra boa prática é usar senhas diferentes para cada serviço que você tem.

Fonte: Troy Hunt

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.