Hacker publica informações pessoais de políticos condenados no mensalão

Por Gabriela Araújo | 08 de Janeiro de 2013 às 18h12
photo_camera Alina Isakovich/Hemera/Getty Images

José Genoino, José Dirceu, Delúbio Soares e Carlos Cachoeira tiveram seus nomes, telefones, endereços e e-mails publicados em uma página na internet nesta terça-feira (08). O hacker que se auto intitula “nbdu1nder” assumiu a autoria da invasão em seu perfil no Twitter.

Os dados pessoais dos políticos condenados por corrupção no caso do mensalão foram publicados no pastebin e, até o momento, somam mais de 3 mil visualizações. Para ter acesso às informações, o hacker diz ter invadido o banco de dados do governo, o planalto.gov.br.

Além dos dados pessoais, nbdu1nder também publicou uma mensagem criticando os políticos — sugerindo o motivo do ataque.

“Genoino participou de um esquema de compra de votos, o Mensalão, que abastecia o caixa do PT com dinheiro sem origem e o repassava a deputados da mesma estirpe moral. Como prêmio, antes da decisão final sobre seu justo encarceramento, o petista corrupto receberá dinheiro oriundo de nossos impostos durante o período em que certamente trabalhará para favorecer os semelhantes em Brasília”, falando sobre a posse de José Genoino, que este ano, assumiu uma vaga de suplente de deputado federal.

No final, conclui dizendo: “Já está na hora de algum movimento, não acham, cidadãos? Está na hora de parar de reclamar e ir as ruas!”.

A página ainda traz um P.S: “Você que votou a favor desses sebosos na câmara, vai acabar como o Zé Dirceu, o Genoíno e o Delúbio Soares... EXPOSTO! Queremos que a justiça seja feita. Caso contrário, haverá mais textos desse tipo... cada vez pior. Nós estamos de olho em você!”.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.