Novo RG vem com QR Code e traz dados de até 12 documentos

Por Wagner Wakka | 17 de Julho de 2019 às 11h16
Agência Brasil

O novo modelo de RG começou a ser emitido nesta semana em oito estados, além do Distrito Federal, e permite incluir 12 documentos em um só. Além disso, ele conta com QR Code para comprovar a autenticidade das informações. 

Este ainda não é o Documento Nacional de Identidade, a proposta de unificação dos RGs com dados semelhantes em todo país, motivo pelo qual ainda apenas alguns estados podem emitir a versão atualizada do RG. São eles: Goiás, Mato Grosso, Acre, Maranhão, Ceará, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal. 

Formato do novo documento de identidade (Foto: Politec)

No documento, podem ser incluídos dados para além do número de CPF, tipo sanguíneo e cadastro de NIS, PIS ou PASEP, já permitidos na versão atual. A lista completa de documentos é: 

  • Nome Social
  • Fator RH (tipo sanguíneo)
  • CPF
  • DNI (Documento Nacional de Identificação)
  • CNS (Cartão Nacional de Saúde)
  • NIS / PIS/ PASEP
  • Certidão Militar
  • CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social)
  • CNH (Carteira Nacional de Habilitação)
  • Título de Eleitor
  • Identidade Profissional

É importante ter em mente, contudo, que, para inclusão de todos essses dados no seu novo RG, é preciso que se comprove as informações com os documentos originais. Para aumentar a segurança, o documento agora conta com outros mecanismos, como QR Code, além de mudança de relevo e informações sensíveis à luz ultravioleta. 

O novo documento está começando a ser emitido a quem precisa renovar ou retirar uma primeira via. Contudo, a versão antiga ainda continua valendo. A mudança tem como base o decreto 9.278/2018, sendo que deve passar a valer em todo Brasil já em março do ano que vem. 

Documento adiciona uma série de medicas de segurança (Foto: Politec)

Outra novidade é que agora é possível emitir o RG em formato menor, chamado de cartão. Ele conta com dimensões de 85,6 x 54 mm e chip para leitura por aproximação. 

Fonte: G1, Gov, Politec

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.