Como se cadastrar no vale-gás | Auxílio Gás

Como se cadastrar no vale-gás | Auxílio Gás

Por Kris Gaiato | Editado por Bruno Salutes | 31 de Março de 2022 às 20h00
(Imagem: KWON JUNHO/Montagem: Kris Gaiato)

O gás de cozinha é, para algumas famílias, um verdadeiro desafio no orçamento mensal. Ainda que muitos não saibam, é possível obter ajuda financeira do governo para adquirir o insumo. E, se você desembarcou nesta matéria, provavelmente já sabe disso e quer descobrir como se cadastrar no vale-gás.

O vale-gás é parte do Auxílio Brasil (antigo Bolsa Família). Sancionado em novembro de 2021, o programa pagará ao menos 50% do preço médio nacional do botijão de 13 kg. O depósito é feito a cada dois meses e, até o momento, estima-se que a parcela seja de R$ 52,00.

A iniciativa promete beneficiar 22 milhões de famílias, que receberão o Auxílio Brasil e o vale na mesma data. Segundo o governo federal, a ajuda será oferecida por 5 anos. Como o pagamento é bimestral, serão pagas 30 parcelas. E, se o preço médio do botijão de gás se manter, os beneficiários terão recebido R$ 1.560,00 ao final do benefício.

As datas de pagamento do vale-gás acompanham as do Auxílio Brasil (Imagem: Governo Federal)

Os pagamentos começaram em fevereiro de 2022, mas ainda dá tempo de participar. Antes de saber como se cadastrar no vale-gás, é importante que você entenda quais públicos são elegíveis ao chamado Programa Auxílio Gás.

  • Famílias inscritas no Cadastro Único, cuja renda mensal per capita (por pessoa) não passe de meio salário mínimo;
  • Famílias beneficiárias de programas de transferência de renda implementados pelas três esferas de governo;
  • Famílias com ao menos um integrante do Benefício de Prestação Continuada (BPC) que more na mesma residência. Não é necessário ser parte do Cadastro Único nesse caso.

Como se cadastrar no vale-gás

Agora que você sabe se pode receber o benefício, está na hora de entender o processo de cadastro. Pasme: não é necessário fazer nada para receber a ajuda. Segundo o site da Caixa Federal, as famílias elegíveis serão selecionadas de forma automatizada a cada dois meses.

O Ministério da Cidadania esclareceu que as famílias entrarão no programa de forma gradativa, até que todos os inscritos no Auxílio Brasil sejam contemplados. Segundo o órgão, a previsão para isso acontecer é setembro de 2023.

Além disso, nos primeiros 90 dias (isto é, até abril de 2022), a prioridade é incluir aqueles que tenham a menor renda per capita e a maior quantidade de integrantes na família. O grupo prioritário está vinculado ao Auxílio Brasil.

Mas, então, como saber se você foi escolhido? O status do vale-gás é mostrado nos aplicativos do Auxílio Brasil e da CAIXA Federal ou através do Atendimento CAIXA, pelo telefone 111. Em caso de dúvidas, é indicado acionar o Ministério da Cidadania pelo número 121.

Como será feito o pagamento

O vale-gás é pago da mesma forma que o benefício Auxílio Brasil. Isso significa que o crédito pode cair na conta Poupança Social Digital; na conta Poupança CAIXA Fácil; ou ainda na Plataforma social, que permite saque com cartão social. Se quiser receber o dinheiro em mãos, o beneficiário pode se deslocar até os seguintes locais:

  • Casas lotéricas;
  • Unidades do CAIXA AQUI (estabelecimentos comerciais credenciados pelo banco, como padarias e mercados);
  • Setor Responsável pelo Programa Auxílio Gás ou CRAS de cada município.

Se você tiver o aplicativo do Auxílio Brasil (Android l iOS) instalado, é possível consultar o benefício, localizar o canal de pagamento mais próximo, bem como ver o calendário de pagamento.

O oferecimento do vale-gás se encerra no final do prazo previsto ou quando o beneficiário deixar de atender aos requisitos. A verificação será realizada a cada dois meses, junto com a seleção de novos beneficiários.


Fonte: Governo Federal, Caixa Federal

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.