Análise | Prezi business é ideal para gerenciamento de slides em equipe

Prezi Blog

Uma boa apresentação pode definir se você vai conseguir aquele cliente dos sonhos, vencer uma concorrência ou mesmo buscar aquela tão sonhada promoção na empresa. Entretanto, fazer uma sequência de slides que seja cativante e sem letargia pode não ser uma tarefa lá muito fácil.

Para isso, o Prezi tem uma proposta diferente do clássico Power Point, do pacote Office. A ideia deste programa é deixar a apresentação mais dinâmica, com mais movimento, evitando assim os bocejos da audiência entre os slides. A plataforma traz algumas ferramentas de transição muito orgânicas e fáceis de se usar. Com algumas apresentações já predefinidas, o Prezi permite que você saia de um slide para o outros com movimentos suaves, efeitos 3D e ampliação de imagem.

Mas será que um ppt mais bonito vale deixar de lado o já habitual programa da Microsoft? É isso o que você confere nesta análise:

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Não só um rostinho bonito

Nós tivemos a oportunidade de testar a versão business do Prezi. Para quem trabalha em apresentações em equipe, aqui vai o primeiro diferencial: tal qual as funcionalidades do Google Drive, com o Prezi é possível montar uma nova apresentação ( ou uma pasta de apresentações) e compartilhar tudo rapidamente entre a equipe.

Neste grupo criado, um administrador pode definir permissões de edição ou apenas visualização das apresentações. Isso ajuda muito na correria quando mais de duas mãos precisam montar aqueles slides "para ontem". A dúvida que pode surgir é: se ele têm a mesma função do Drive, por que não usar a opção da Google, que é gratuita? Bom, é que o Prezi tem bem mais ferramentas corporativas do que as opções mais populares.

A primeira delas é a gama de opções de slides pré-definidos. O Prezi já tem alguns modelos voltados exclusivamente para negócios. Há um menu de apresentações já pré-definidas em vários assuntos do setor, como resultados financeiros, RH, explicação de ideias, marketing, apresentação de ONGs e até, para quem busca uma vaguinha, formato de currículo.

Ao se escolher uma apresentação em específico, o usuário pode modificar fotos, palavras e adicionar slides de forma muito fácil. Na foto, por exemplo, basta clicar com o botão direito do mouse e escolher a foto desejada para que o sistema a ajuste automaticamente no slide.

Imagens se ajustam na apresentação  (Foto: Wagner Alves/Canaltech)

Praticidade

Como uma plataforma online e compartilhável, o Prezi tem uma gama de vantagens e algumas desvantagens da conexão. Vamos à melhor parte primeiro.

A primeira delas é o salvamento automático. Quantas vezes você estava em um escritório e, de repente, o computador desliga por qualquer motivo, como uma queda de luz, e se perde todo o trabalho de uma tarde? Pois é, isso não acontece aqui. Sem um botão de salvar (apenas de exportar em formatos de apresentação sem animação), o programa guarda automaticamente cada mudança na apresentação enquanto se estiver online.

Uma função muito específica do Prezi business, entretanto, é a transmissão online com estatística de audiência. Feitos os slides, é possível criar um link para uma apresentação ao vivo remota, com link personalizável e senha de acesso. Para isso, basta ir na tela de apresentações e clicar no três pontinhos. Na próxima tela, há a opção Live Prezi. Ao clicar nela, basta criar uma URL amigável e indicar uma senha, caso haja dados confidenciais na apresentação.

É possível criar um link amigável e adicionar senhas às apresentações (Foto: Wagner Alves/Canaltech)

Dados precisos

A ferramenta mais importante desta versão business talvez seja a de análise de audiência das apresentações. O Prezi permite que você crie uma apresentação, suba na plataforma e disponibilize acesso por um link, tal qual a apresentação ao vivo. Com isso, é possível acompanhar dados de análise de audiência da sua apresentação. A ferramenta mostra quantas pessoas (e quem, se for por convite em e-mail) viram seus slides e em quais pontos elas se dispersaram.

Ainda, caso você tenha um treinamento em equipe e precisa de comprovação de que seus colegas visualizaram a apresentação, o Prezi business fornece esta opção de forma detalhada. Isso permite, por exemplo, fazer testes internos de modelos da apresentação. Ao enviar para a equipe da empresa, é possível avaliar quais as fraquezas e pontos fortes da apresentação e refinar antes de efetivamente mostrar para o público final.

Além disso, ao se compartilhar uma apresentação com a sua equipe , o Prezi devolve dados preciso sobre como foi a experiência daquela pessoa com sua apresentação. Isso inclui quando a pessoa abriu, quanto ela viu do projeto e até quanto tempo passou em cada um dos slides da apresentação, inclusive com um gráfico.

Dados são precisos e aparecem em tempo real enquanto usuário visualiza apresentação (Foto: Wagner Alves/Canaltech)

As estatísticas são atualizadas em tempo real; isto é, é possível avaliar a experiência enquanto um usuário acompanha a sua apresentação.

Problemas

Entretanto, não só de vantagens vive o Prezi. O programa tem alguns defeitos que podem afastar aqueles que não querem uma experiência lá muito complexa.

O primeiro ponto negativo é a necessidade de estar sempre online para aproveitar das vantagens da plataforma. Este não é bem um defeito, mas uma consequência de se ter todas as ferramentas descritas aqui. Contudo, cria a necessidade de ficar de olho sempre se o local em que se vai fazer a apresentação tem uma conexão estável com a internet.

Ainda, ele não é um programa leve, nem na versão de desktop, muito menos no browser. Para um programa de imagens, não raro há travamentos e lentidões, mesmo em conexões de internet de alta velocidade. Isso pode fazer com que a produção de um slide na plataforma seja mais trabalhoso e demorado do que em um Power Point.

Para que todas as ferramentas aqui funcionem, também é preciso levantar que o usuário fica preso ao sistema de apresentação do Prezi. Entretanto, há a opção de exportar o arquivo em outros formatos, como pdf., para uma apresentação offline.

Vale?

Em suma, para quem quer virar um expert nas apresentações, há uma grande oferta de ferramentas para aprimorar os slides. Ainda, para o trabalho em equipe e análise de dados do que é mostrado, não há plataforma semelhante no mercado que faça o mesmo, com a precisão que o Prezi faz.

O revés fica por conta do sistema fechado e que exige uma conexão boa de internet para funcionar e montar a apresentação. Contudo, vale lembrar, esta é uma consequência de todas as ferramentas disponíveis no Prezi, e não necessariamente um defeito da plataforma.

Quem está empenhado em investir em apresentações internas, bem como treinamentos e monitoramento de equipe, o Prezi business pode ser uma boa opção. Ainda, ele oferece um sistema de 15 dias de testes para ver se o investimento cabe no seu orçamento. Esta versão business que testamos é paga e custa US$50/usuário/mês.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.