PlayStation 4 ultrapassa marca de 30 milhões de consoles vendidos

Por Redação | 25 de Novembro de 2015 às 10h07
photo_camera Divulgação

Não é segredo para ninguém que a Sony segue disparada na frente em relação à venda de consoles. Desde o seu lançamento, o PlayStation 4 sempre teve uma bela margem de vantagem em relação ao Xbox One e, por mais que o console da Microsoft tenha vendido mais em alguns meses ao longo desses dois anos, o PS4 sempre esteve na frente em números gerais. E eis que a fabricante japonesa decidiu atualizar essa contagem e mostrar que a realidade é ainda mais surpreendente.

Segundo a Sony, até o último dia 22 de novembro, o console já vendeu mais de 30,2 milhões de unidades em todo o mundo desde o seu lançamento. Lançado em 2013, essa marca faz com que o PS4 seja o sistema mais popular e bem vendido da história, sobretudo pela velocidade com que ele chegou até esse total. Apenas para ter uma ideia, isso faz com que ele supere até mesmo o bom e velho PlayStation 2, que levou duas semanas a mais para chegar a esse número.

Com isso, não é difícil imaginar que o PS4 tem potencial de sobra para se equiparar ao PS2 em número total de vendas. Ao longo de toda a sua história, o velho videogame acumulou mais de 155 milhões de unidades e, se depender dos esforços da Sony, esse é um volume a ser quebrado nos próximos anos pela sua plataforma de nova geração. E, diante dos dados recentes, é bem possível que eles queiram fazer isso em menos tempo também.

Playstation 4 20th Anniversary

Por meio de uma nota oficial, o presidente e CEO da Sony Entertainment comemorou a notícia e agradeceu a todos que ajudaram o PlayStation 4 a conquistar essa meta. Andrew House disse estar grato a todos os jogadores que continuam a escolher o console como o melhor lugar para se jogar ao longo desses dois anos e que a empresa está comprometida a trazer jogos e serviços de entretenimento a todos como forma de compensar toda essa confiança. Além disso, ele também agradeceu aos desenvolvedores e estúdios que também apoiaram o videogame.

Diante dessa notícia, a situação fica ainda mais complicada para a Microsoft. Os números do Xbox One nunca foram animadores a ponto de bater de frente com a Sony e a empresa anunciou recentemente que vai deixar de revelar o número de consoles vendidos, preferindo contabilizar as contas ativas na Xbox Live. A medida foi vista por muitos como uma forma de maquiar o desempenho do console, sobretudo pela incapacidade de rivalizar de verdade com o PlayStation 4. Também pudera, já que 30 milhões é videogame para caramba.

Via: PR Newswire, MCV UK

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.