Do que se trata Black Myth: Wukong, jogo chinês que viralizou no meio gamer?

Por Wagner Wakka | 21 de Agosto de 2020 às 12h39
Reprodução/YouTube

Nos últimos dias, um trailer de um jogo chinês caiu nas graças de muitos gamers aqui no Ocidente. O vídeo de gameplay de 13 minutos mostra um herói com traços primatas lutando contra inimigos executando movimentos impressionantes. O título se chama Black Miyth: Wukong e será lançado inicialmente para PC. 

O jogo está sendo desenvolvido pelo estúdio Game Science, conhecido pelo lançamento de Art of War: Red Tides em 2016, outro game curioso que misturava MOBA e estratégia em tempo real. 

O vídeo de Black Myth: Wukong impressiona pelos movimentos fluídos e animações de combate. O personagem principal, que deve ser Sun Wukong, usa um bastão e executa movimentos rápidos e golpes precisos. Além dele, os inimigos também mostram fluidez quando andam, pulam e desferem golpes contra o protagonista. A batalha lembra o que se vê em games de ação atuais, com contra-ataques, defesas e esquivas. Assim, é necessário escolher bem o momento certo para atacar, esquivar e defender. 

Personagem precisa enfrentar inimigos com diferentes habilidades, par conseguir novas armas (Foto: Reprodução/YouTube)

Do que se trata? 

O estúdio não deu detalhes sobre a trama de Black Myth: Wukong, mas, por conta do nome, é possível inferir o tema do game. Wukong é o nome chinês do mito conhecido no Ocidente como Rei Macaco. 

O personagem é o protagonista de um dos textos mais importantes da literatura chinesa: a Jornada ao Oeste. A obra foi escrita nos anos de 1500 e é quase como um mito fundador chinês que conta a história de um homem-macaco cuja super-força é usada para resgatar os escritos budistas místicos na Índia. 

A história do Rei Macaco é um mito importante para a cultura chinesa e oriental, sendo o cerne para a história do Deus Macaco, muito referenciada na cultura japonesa no geral. 

Assim, é possível esperar que a trama envolva uma viagem da China à Índia, acompanhado de um monge que o ajuda na travessia em busca dos escritos. Na história original chinesa da Jornada ao Oeste, o Rei Macaco enfrenta criaturas gigantes e desafiadores em sua caminhada. 

Quando sai? 

De acordo com o site da desenvolvedora, o jogo ainda está em estágio inicial de desenvolvimento. Isso quer dizer que o vídeo, embora empolgante, é apenas uma ideia do que os produtores gostariam que seja o produto final. Na própria página oficial, a companhia aponta que precisa de mais gente para continuar o projeto e está com vagas abertas. 

Macaco gigante é o chefão do vídeo (Foto: Reprodução/YouTube)

Desta forma, é difícil dizer se o jogo terá todo esse nível de animação na versão final ou não. Isso porque criar detalhes como esses leva tempo e demanda dinheiro e equipe, o que pode não se pagar quando o game for lançado — essa percepção, inclusive, é compartilhada pela própria desenvolvedora. Segundo ela, a data de lançamento será guiada não só pela qualidade de gameplay, bem como pelos custos de desenvolvimento, como acontece com a maioria dos jogos. 

A indústria de games é recheada de casos de trailers que mostraram boas ideias iniciais, com efeitos impressionantes de iluminação e movimento, mas que não mantiveram o nível de qualidade para o lançamento final, fenômeno conhecido como downgrade. Um dos casos mais icônicos é Watch Dogs, cujo trailer inicial mostrava efeitos de fogo, luzes e movimentação que foram retirados da versão final. 

Com isso, a Game Science Studio ainda não tem data de lançamento para Black Myth: Wukong. Até o momento, a produção é destionada para PC, mas a companhia promete que também vai trabalhar em versões para consoles, sem especificar quais. 

Fonte: Heishenhua

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.