Cofundador da Valve diz que demissões não vão afetar os projetos em andamento

Por Redação | 14.02.2013 às 12:50

Vários funcionários da Valve Corporation foram demitidos na última terça-feira (12), e entre os nomes que já não estão mais listados no diretório público de funcionários da empresa está o do diretor de desenvolvimento de negócios da companhia, Jason Holtman.

O chefe de hardware Jeri Ellsworth também parece estar fora da empresa, de acordo com um post feito em sua conta pessoal no Twitter. Segundo o site Kotaku, essas demissões envolvem "grandes decisões", mas nenhuma explicação exata foi dada pela Valve.

Porém, depois de muitas especulações e rumores gerados acerca das rescisões contratuais com alguns funcionários, o chefão da Valve, Gabe Newell, resolveu enviar um comunicado para o Engadget e esclarecer alguns pontos importantes. Ele fez questão de frisar que a Valve não vai cancelar nenhum de seus projetos devido às demissões, mas também não esclareceu nenhum motivo para ter afastado esses funcionários.

"Nós não costumamos falar sobre questões de pessoal por diversas razões. Parece haver uma quantidade incomum de especulação sobre algumas mudanças recentes aqui, então eu pensei que eu ia dar o passo incomum de enfrentá-los. Não, nós não estamos cancelando qualquer projeto. Não, nós não estamos mudando prioridades ou projetos que estamos discutindo. Não, não se trata do Steam ou Linux ou hardware ou [insira o nome de um jogo aqui]. Nós não vamos discutir por que ninguém em particular está ou não está trabalhando aqui."