Sonda New Horizons captura primeira foto do misterioso objeto Ultima Thule

Por Jessica Pinheiro | 29 de Agosto de 2018 às 19h25
Tudo sobre

NASA

A sonda New Horizons, da NASA, alcançou um grande marco no dia 16 de agosto, por conseguir registrar sua primeira imagem do Ultima Thule a uma distância de 107 milhões de quilômetros. O Ultima Thule é um misterioso objeto localizado no Cinturão de Kuiper, a aproximadamente 44 UA do Sol (sigla para Unidade Astronômica, sendo que uma UA é aproximadamente a distância média entre a Terra e o Sol), e a New Horizons continua avançando em direção ao objeto.

A captura da imagem foi feita pelo telescópio Long Range Reconnaissance Imager (LORRI), que faz parte do equipamento da New Horizons. Na ocasião, foram registradas quatro dúzias de imagens, que depois foram transmitidas de volta à Terra.

À esquerda, as detecções feitas pela New Horizons. A cruz amarela mostra a localização prevista do Ultima Thule, que é muito fraca para ver. À direita, uma imagem ampliada da região com ruído de fundo reduzido, revelando o objeto. (Imagem: NASA)

Com isso, os cientistas da NASA conseguiram analisar as imagens e identificar o escuro objeto em meio às estrelas. O Ultima Thule, também conhecido como 2014 MU69, está exatamente onde os pesquisadores tinham previsto, o que significa que a espaçonave está indo na direção certa.

Assista Agora: Nunca mais contrate funcionários para sua empresa! Comece o ano em uma realidade completamente diferente!

Segundo relatórios dos últimos anos, o Ultima Thule possui formato irregular, não esférico e possivelmente não é apenas um objeto, mas, sim, dois que orbitam um ao outro (sendo, portanto, um par binário). Hal Weaver, cientista da missão New Horizons e encarregado do LORRI, comentou sobre o achado em um comunicado:

“A imagem é extremamente rica de estrelas ao fundo, o que dificulta a detecção de objetos fracos. É como encontrar uma agulha no palheiro. Nessas primeiras imagens, o Ultima aparece colidir de lado com uma estrela de fundo, que é aproximadamente 17 vezes mais brilhante, mas [o objeto] vai ficando mais nítido — e mais fácil de ver — à medida em que a espaçonave se aproxima”.

Representação de um artista da New Horizons sobrevoando o Ultima Thule. (Imagem: Phys.org)

A imagem capturada do objeto de 30 km de largura também marca a foto mais distante já registrada por um artefato enviado da Terra, já que o Ultima Thule está localizado a 6,5 ​​bilhões de quilômetros do nosso planeta. Além disso, a New Horizons é capaz de detectar visualmente seu alvo, o que irá ajudar a espaçonave a ser reajustada em sua rota se ou quando necessário.

A NASA divulgou também que, seguindo o itinerário planejado, a New Horizons deverá se aproximar do objeto no dia 1º de janeiro de 2019, por volta de 1h30 (horário de Brasília).

Fonte: Gizmodo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.