NASA envia para ISS mini-robôs análogos a abelhas para ajudar astronautas

Por Wagner Wakka | 02 de Maio de 2019 às 14h53
NASA
Tudo sobre

NASA

Saiba tudo sobre NASA

Ver mais

A Estação Espacial Internacional (ISS) está recebendo uma carga com pequenos robôs chamados de Atrobees, algo como “abelhas astronautas”. Contudo, eles não são exatamente como abelhas, muito maiores e com formato cúbico, e ganham este nome por fazer uma série de ações de rotina importantes para os astronautas.

O objeto é na verdade um robô companheiro que pode ser programado para funcionar sozinho lá na ISS ou mesmo ser controlado por pesquisadores aqui na Terra. No total, foram criados três deles, chamados de Honey (mel), Bumble (abelha) e Queen (rainha). Os aparelhos são cubos de 30 centímetros de aresta, ou lado.

A ideia é fazer com que os astronautas não tenham mais que perder tempo fazendo ações repetitivas na ISS, ou mesmo procurando por coisas, como ferramentas perdidas pela nave, por exemplo. Para isso, estes robôs devem manter as coisas organizadas e checar algumas rotinas, deixando os astronautas com mais tempo disponível para a realização de atividades científicas.

Honey, nome dado ao robô amarelho (Foto: Nasa)

Os Astrobees contam com pequenas hélices que giram e criam a propulsão necessária para viajar na ISS com gravidade reduzida. Ou seja, não é preciso que eles efetivamente voem para funcionar no local. Ainda, eles contam com sistema de reconhecimento de bateria e podem, sozinhos, voltar a uma base na lateral da estação para se recarregarem.

O sistema também tem sensores capazes de identificar níveis de radiação, dióxido de carbono e outros dados importantes. Para navegação remota, ele conta ainda com uma câmera frontal e pode ser equipado com partes modulares. Por exemplo, se os cientistas precisarem que o robô tenha braços, basta adicionar um acessório em formato de pinça no robô.

Segundo a engenheira que coordenou o projeto do Astrobee, Maria G. Bualat, atualmente, os robôs são limitados, mas a proposta é que, no futuro, sejam capazes de sozinhos, coordenar uma nave, exatamente como vemos em filmes de ficção científica.

Até o momento, apenas dois robôs, Honey e Bumble, estão na ISS. O terceiro, Queen, ainda deve ser modificado e permanecerá em Terra para testes antes que seja liberado para se unir aos irmãos no espaço.

Fonte: NASA

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.