Israel pode se tornar o quarto país a visitar a Lua

Por Patrícia Gnipper | 11 de Julho de 2018 às 22h50
photo_camera NASA/ESA

Depois dos Estados Unidos, Rússia e China, pode ser que Israel se torne o quarto país a enviar uma missão para o nosso satélite natural. O país planeja lançar uma espaçonave não tripulada em dezembro deste ano, fruto de uma colaboração entre a Israel Aerospace Industries e a não-governamental SpaceIL.

A ideia é realizar o lançamento em Cabo Canaveral, na Flórida, sendo que a empresa levantou US$ 88 milhões a partir de doadores privados para que seu projeto fosse financiado ao longo dos últimos oito anos. A nave em questão tem pouco mais de 5 metros de altura e levará cerca de dois meses para chegar à Lua — data esta prevista para 13 de fevereiro de 2019.

A SpaceIL, por sinal, participou da competição Lunar XPrize, da Google, que prometeu um prêmio milionário para a primeira empresa privada que fosse capaz de pousar uma espaçonave não tripulada na Lua até 2014. Sem vencedores, a competição foi adiada, mas, até então, segue sem um desfecho bem sucedido.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Para Morris Kahn, presidente da SpaceIL, se o lançamento for bem sucedido e a nave atingir seu destino, esta será "uma conquista nacional que colocará [Israel] no mapa espacial do mundo". A nave, ainda, será o menor veículo a pousar na Lua em toda a história.

Esta é a pequena espaçonave construída pelos israelenses (Foto: Eliran Avital)

Fonte: Digital Trends

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.