Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Destaque da NASA: Nebulosa do Caranguejo é a foto astronômica do dia

Por| Editado por Patricia Gnipper | 15 de Novembro de 2023 às 13h19

Link copiado!

NASA/ESA
NASA/ESA

A Nebulosa do Caranguejo está na foto destacada pela NASA nesta quarta-feira (15). Ela apareceu recentemente no site Astronomy Picture of the Day em uma imagem capturada pelo telescópio James Webb e, agora, brilha em um registro feito pelo Hubble.

Também chamada de M31, a Nebulosa do Caranguejo fica a cerca de 6.500 anos-luz de nós na constelação de Touro. O Hubble a observou na luz visível em 2005, e o James Webb, no infravermelho.

Continua após a publicidade

Na imagem acima, os filamentos alaranjados mostram o hidrogênio da estrutura exterior da nebulosa, enquanto as estruturas azuladas revelam o oxigênio neutro. Já o brilho forte no centro da nebulosa destaca o pulsar ali, que é uma estrela de nêutrons girando rapidamente.

Quando a observou, o James Webb capturou os filamentos alaranjados e estruturas repletas de poeira. O telescópio registrou também uma área no interior da nebulosa repleta de radiação síncrotron, que apareceu em cores vibrantes graças à grande sensibilidade do telescópio.

A nebulosa M1

A Nebulosa do Caranguejo é um dos remanescentes de supernova mais brilhantes no céu. Como o nome indica, ela é formada pelos restos de uma estrela massiva que explodiu em supernova, e contém os gases liberados pela antiga estrela.

Continua após a publicidade

Em meio à sua estrutura gasosa que se estende por cerca de 10 anos-luz, está um pulsar, que foi o núcleo da estrela. Ele gira 30 vezes por segundo, sendo o responsável pelo brilho visível nas imagens da nebulosa.

Este remanescente também é chamado de M1, porque foi o primeiro item do famoso catálogo do astrônomo Charles Messier. A M1 é visível para observadores no hemisfério sul durante os meses do verão.

Fonte: APOD