Scarlett Johansson explica como Viúva Negra se encaixa na Fase 4 do MCU

Por Laísa Trojaike | 08 de Julho de 2020 às 10h19
Marvel Studios/Disney

A Fase 4 do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) está chegando e o primeiro filme será Viúva Negra, cujos eventos são ambientados entre Guerra Civil e Guerra Infinita, além de, claro, ter Scarlett Johansson no papel-título. Viúva Negra vem logo após o grande sacrifício da personagem na Fase 3 e, para muitos, fãs o filme solo havia ficado um pouco sem sentido dentro da estrutura do MCU. Porém, em uma recente entrevista, Johansson explicou um pouco mais sobre a existência do filme solo.

“Não havia razão para fazer um filme independente da Viúva Negra, a menos que pudéssemos cavar fundo e ser corajosos”, esclareceu a atriz. “Estou muito feliz com todo o trabalho que fizemos nos filmes do Marvel Studios”. Ela explicou como será a relação entre o filme da personagem e os últimos eventos de Vingadores: “Eu senti que Vingadores: Ultimato foi tão satisfatório que eu queria ter certeza de que Viúva Negra seria igualmente satisfatório, não apenas para os fãs, mas também para mim mesma, artística e criativamente, depois de uma década interpretando esse personagem. Este filme oferece a oportunidade de algum tipo de cura e entendimento sobre o porquê de Natasha decidir fazer aquele sacrifício final em Vingadores: Ultimato”.

Imagem: Marvel Studios

Johansson ainda explicou que talvez não fosse possível ir tão a fundo na personagem nas fases anteriores. Com os eventos de Ultimato, foi possível criar uma conexão diferente entre o público e a Viúva Negra, que é justamente o que torna o filme solo mais profundo. Se feito antes, Viúva Negra provavelmente “teria sido muito mais um thriller de espionagem”, que não abordaria os elementos que o filme traz agora.

Ainda segundo a atriz, Viúva Negra não está ligada necessariamente a uma história dos quadrinhos. Johansson aproveitou a oportunidade para elogiar o trabalho de Kevin Feige, que tem sido a grande mente por trás das produções do MCU:

"Não havia uma história em quadrinhos ou história específica que realmente quiséssemos adaptar. A Viúva Negra, como personagem, teve milhares de histórias diferentes ao longo dos anos, então não era óbvio o que faríamos. Tinha que soar como uma continuação de algo que já começamos e que nós já estávamos tangenciando. Eu estava pensando de uma forma muito pequena e específica, e Kevin Feige pensa dessa maneira realmente enorme e inesperada. A combinação dessas duas abordagens é o que você tem no filme Viúva Negra. O gênio de Kevin Feige é que ele sempre pensa no que os fãs esperam".

Essa entrevista foi publicada em uma revista, que também divulgou novas imagens oficiais de Viúva Negra. As páginas, com a entrevista e as imagens, foram publicadas no Twitter:

A previsão é de que Viúva Negra estreie nos cinemas do Brasil em 29 de outubro de 2020. A direção do filme está nas mãos de Cate Shortland, diretora dos premiados A Síndrome de Berlin, Lore e Salto Mortal.

Fonte: Heroic Hollywood

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.