Internet relembra os 10 anos do rebaixamento de Plutão a planeta-anão

Por Redação | 25 de Agosto de 2016 às 11h46
photo_camera NASA

Parece que foi ontem que nossa professora de Ciência nos fez decorar que Plutão era o nono planeta de nosso Sistema Solar. Porém, isso é algo que permanece somente nas velhas apostilas escolares, já que esta semana marca o décimo aniversário do rebaixamento do astro para a categoria de planeta-anão. Há exatos dez anos, vimos o primeiro planeta perder seu posto de relevância na galáxia para se tornar apenas piada entre os terráqueos. Pois é, Plutão, a crise chega para todos.

Isso não quer dizer, contudo, que nosso interesse pelo anãozinho diminuiu. Muito pelo contrário, já que passamos a prestar muito mais atenção nesse pobre coitado espacial após a mudança de categoria. Prova disso foi o barulho causado pela chegada da sonda New Horizons à órbita de Plutão, o que nos permitiu conhecê-lo um pouco mais, além de conseguirmos excelentes imagens de sua superfície. É como se, após o rebaixamento, nós lembrássemos de sua existência e passássemos a prestar mais atenção em suas características.

A passagem para planeta-anão foi determinada pela União Astronômica Internacional, que já vinha discutindo essa possibilidade há algum tempo. Apesar de a mudança de categoria ter acontecido somente em 2006, os debates sobre o tema são muito mais antigos e datam de meados da década de 1970, logo após a descoberta do planeta 2060 Chiron. Diante disso, muitos astrônomos e pesquisadores da área passaram a questionar se a pequena massa de Plutão não fazia dele um anão perto dos demais corpos celestes. Com diâmetro de 2.370 quilômetros, ele tem cerca de 0,24% o tamanho da Terra, cujo diâmetro supera os 12.742 quilômetros.

Plutão

Mesmo rebaixado, Plutão segue despertando o interesse dos pesquisadores

Ainda assim, como dito, as recentes descobertas acerca das características de Plutão reacenderam o interesse da comunidade científica (e leiga) sobre esse pobre rejeitado. Seja por remorso ou porque as novidades vindas dos confins do universo realmente foram muito atraentes, todo mundo quis saber mais sobre o que se esconde na escuridão do planeta-anão. Tanto que a famosa imagem de sua superfície na qual é possível ver um coração logo conquistou a internet e mostrou que, mesmo rebaixado, todo mundo ainda se lembra com carinho da época que Plutão era importante.

Diante disso, era óbvio que as redes sociais iriam se mobilizar para relembrar o fatídico dia em que ele deixou de ser um planeta. Com muito bom humor, usuários do Twitter fizeram brincadeiras e ironizaram a mudança de categoria, além de lembrar o que diabos estavam fazendo na época em que isso aconteceu. Isso sem falar das reclamações de como o tempo passou rápido — afinal, o que é o Twitter sem reclamações?