Confira as mudanças no layout da Netflix de 1999 até os dias de hoje

Por Redação | 26.04.2016 às 12:15

O ano é 2016 e a Netflix já é acessada por mais de 75 milhões de pessoas nos mais de 190 países em que está disponível, então não é exagero dizer que é o serviço de streaming de vídeos mais popular da atualidade. Mas você sabia que, ao surgir em 1997, a Netflix era uma empresa de entrega de DVDs pelo correio?

Por pelo menos dez anos a Netflix se dedicou exclusivamente a esse tipo de serviço, investindo no streaming a partir de 2007, quando a tecnologia se expandiu nos Estados Unidos, e em 2010 no Canadá, chegando ao Brasil em 2011. Hoje em dia, a empresa não somente exibe filmes, desenhos, séries, documentários e shows em sua plataforma, como também produz centenas de horas de programação original.

A primeira série produzida com exclusividade por ela foi House of Cards, de 2013. O sucesso foi tão grande que abriu caminho para que a produtora lançasse novos títulos bem-sucedidos como Hemlock Grove, Orange Is The New Black, Sense8, Narcos, Demolidor e Jessica Jones.

Acompanhe a evolução do layout do site da Netflix ao longo dos anos, desde sua estreia até a atualidade:

evolução da Netflix

Em 1999, a Netflix ainda tinha aquele jeitão antiquado da primeira geração de websites da rede. O logo da companhia era bastante diferente, separando o “Net” do “Flix”.

evolução da Netflix

Já em 2004 a logo da empresa já era bastante similar à atual, e o serviço de locação de filmes em DVD era oferecido a US$ 11,99 por mês.

evolução da Netflix

Em 2008 a Netflix começou a se aventurar no universo do streaming, oferecendo o serviço inicialmente somente para assinantes norte-americanos.

evolução da Netflix

A partir de 2009 o site da Netflix começa a ficar um pouco mais parecido com o design que conhecemos hoje, mostrando uma família feliz se divertindo enquanto assiste a um filme.

evolução da Netflix

Em 2011, a Netflix ainda oferecia o envio de DVDs, mas deixando nítido em seu website que o foco da companhia estava voltado mesmo ao streaming. Naquele ano, passou a ser possível conectar-se à Netflix utilizando seu usuário do Facebook.

evolução da Netflix

A partir de 2012, com o crescimento do streaming, a Netflix passou a deixar seu visual mais clean, não oferecendo mais locação de DVDs e focando somente nas assinaturas de streaming.

evolução da Netflix

Já entre 2014 e 2015, o visual do site da Netflix ficou mais moderno e uma amostra do catálogo de vídeos disponíveis aos assinantes surgiu no final da página.

evolução da Netflix

Por fim, em 2016, a página inicial da Netflix passou a mostrar uma variedade de perfis de usuário no lugar da já manjada família feliz curtindo a telinha. O preço da assinatura também deixou de ser exibido logo de cara, deixando em foco a possibilidade de assistir a vídeos em qualquer lugar, com a possibilidade de cancelar a qualquer momento.

Fonte: UX Timeline