Philips

"Innovation & You."
  • Fundação

    Eindhoven, Holanda, em 15 de Maio de 1891

  • Sede

    Amsterdã, Holanda

A Philips foi fundada por Frederik e Gerard Philips, na Holanda, em 1891. O início da companhia teve como sede uma pequena fábrica para a produção de lâmpadas incandescentes de filamento de carbono. O sucesso da empresa foi rápido, tornando-se rapidamente uma das maiores fabricantes da Europa.

Em 1918, a Philips começou a diversificar sua linha de produtos, ganhando destaque na área da saúde. Nessa época, a companhia apresentou o tubo médico de raio-x e, pouco mais tarde, marcou presença no início dos sinais de televisão, iniciou a fabricação de rádios, barbeadores elétricos, entre outros produtos. Foi nesse período, ainda, que as operações da empresa atingiram toda a Europa, além da China, Austrália e Brasil.

Atualmente, a Philips conta com três divisões de negócios: A primeira é em saúde, com investimento no tratamento em cardiologia, oncologia e saúde da mulher, onde são fabricados desfibriladores, aparelhos de ultrassom, diagnóstico por imagem, etc. A segunda, estilo de vida do consumidor, que inclui produtos e serviços em bem-estar, cuidados pessoais e aparelhos dométicos, onde são produzidos televisores, telefones, depiladores, secadores de cabelo, etc. Por fim, a divisão de iluminação, referência no desenvolvimento e produção de soluções em fontes de iluminação e eletrônicos, iluminação profissional, automotiva, como lâmpadas incandescentes, fluorescentes, LED, reatores e lâmpadas para automóveis.

A Philips desembarcou no Brasil em 1924, especificamente no Rio de Janeiro. Durante os anos de 1960, a companhia inaugurou um escritório em Recife e mais tarde uma sede na Zona Franca de Manaus.