Os melhores e os piores empregos do Brasil

Por Joyce Macedo | 17 de Setembro de 2013 às 07h05

Um estudo realizado em setembro de 2013 utilizou a ferramenta de pesquisa Adzuna para analisar mais de duas mil profissões e descobrir quais são os piores, os melhores, os mais estressantes e os mais promissores empregos do Brasil.

Diferentes critérios foram avaliados para gerar o ranking, e cada atividade recebeu uma pontuação por potencial financeiro, ambiente de trabalho, taxa de competitividade, demanda de mercado entre outros. Confira os principais resultados da pesquisa.

Os piores empregos de 2013

De acordo com o estudo, motoristas de ônibus e entregadores são os piores empregos do Brasil. Prazos apertados, baixo potencial de aumento de salário, longa e cansativa jornada de trabalho fizeram com que estas atividades figurassem na lista dos piores empregos.

fOs melhores e os piores empregos do brasil

Engenheiros, profissionais de TI, desenvolvedores web e médicos cirurgiões foram as profissões que apresentaram níveis mais altos de segurança no trabalho, maiores faixas salariais (podendo ultrapassar R$60 mil reais por ano), além de excelente desenvolvimento de carreira – chegando a ganhar até 8 vezes mais do que o salário inicial.

Os melhores empregos de 2013

Falta de competição, alta demanda no mercado, aumento salarial e os melhores ambientes de trabalho fizeram com que os profissionais de TI fossem apontados como os trabalhos menos estressantes do Brasil.

fOs melhores e os piores empregos do brasil

Os trabalhos mais estressantes

O nível de estresse em cada trabalho foi calculado através de uma escala com 15 categorias diferentes, incluindo prazos, competitividade, riscos físicos e emocionais. Médicos e professores são as profissões mais estressantes do Brasil, com o índice mais alto de desgaste físico e emocional. Jornalismo é a quarta carreira mais estressante, devido ao ambiente de trabalho com alto nível de pressão e prazos apertados.

fOs melhores e os piores empregos do brasil

Com baixo nivel de competitividade e pouca atividade física, bibliotecários e tradutores foram nomeados os trabalhos menos estressantes do mercado. Desenvolvedores Web também figuram no Top 5 das profissões menos estressantes do Brasil.

fOs melhores e os piores empregos do brasil

Os trabalhos mais promissores e menos promissores

O potencial de futuro de uma carreira foi analisada a partir dos critérios de projeção financeira, potencial de desenvolvimento e estabilidade. A partir desses critérios, profissionais de TI e engenharia têm as melhores previsões para o próximo ano graças ao desenvolvimento do mercado brasileiro.

O site Adzuna.com.br registrou aumento de até 20% em vagas anunciadas nestas áreas, confirmando a tendência geral da economia e previsões de investimento em infraestrutura anunciadas pelo governo.

fOs melhores e os piores empregos do brasil
fOs melhores e os piores empregos do brasil

Fonte: Adzuna

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.