Logbee e Magalu: motoristas podem ter renda extra com entrega de encomendas

Por Redação | 14 de Novembro de 2020 às 15h30 PUBLIEDITORIAL
Captura da imagem: Rui Maciel
Tudo sobre

Magazine Luiza

Saiba tudo sobre Magazine Luiza

Ver mais

Não é exatamente uma novidade que a pandemia do coronavírus gerou crises econômicas mundo afora, inclusive no Brasil. A edição mensal da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Covid-19 (Pnad Covid-19), divulgada pelo IBGE, apontou que entre maio e agosto deste ano, o desemprego no pico da pandemia cresceu 27,6% no nosso país.

No entanto, o e-commerce no Brasil seguiu um caminho inverso, já que a pandemia exigiu o distanciamento social: o setor cresceu 47%, segundo o Weshoppers, relatório semestral de e-commerce elaborado pela Ebit | Nielsen. E com esse crescimento, claro, é necessário também uma base de entregadores para fazer com que os produtos cheguem na casa dos consumidores.

E é aí que o Magazine Luiza e a Logbee - braço especializado em soluções logísticas da rede varejista - podem oferecer uma oportunidade muito legal para aqueles que desejam ter uma renda mensal permanente ou aquele dinheirinho extra, principalmente em tempos de Black Friday e Natal.

A Logbee e a Magalu está buscando motoristas para realizarem entregas de produtos e outras encomendas da rede varejista em 14 cidades brasileiras. São elas:

  • Belo Horizonte (MG)
  • Brasília (DF)
  • Campo Grande (MS)
  • Curitiba (PR)
  • Fortaleza (CE)
  • Goiânia (GO)
  • Itajaí (SC)
  • Londrina (PR)
  • Maceió (AL)
  • Porto Alegre (RS)
  • Recife (PE)
  • Ribeirão Preto (SP)
  • São Paulo (SP)
  • Teresina (PI)

Com datas de varejo de grande movimento se aproximando, a Logbee esperar crescer a sua base de motoristas. E com possibilidades de trabalho que podem ser muito mais do que uma oportunidade temporária. "Além da possibilidade de uma renda extra, nossos prestadores que foram impactados pela perda de seus empregos por causa da pandemia podem até mesmo ter a chance de conseguir uma renda mais robusta com as entregas", afirma Mauricio Maia, gerente de Transportes da Logbee. "Oferecemos toda a tecnologia, suporte e treinamento para que nossos prestadores de serviço tenham jornadas seguras, ágeis e, sempre que possível, realizando as entregas mais perto de casa. Até mesmo motoristas que já prestam serviços para outros apps, como Uber ou iFood, podem participar.

Como os motoristas podem participar

Os interessados (cujo carro pode ser próprio ou não) devem acessar esse link para realizar o cadastro. Feito o preenchimento, ele ficará disponível no banco de motoristas do Magalu e, tão logo a empresa necessite de entregadores, o condutor será contatado.

Como primeiro passo, ao realizar o cadastro e ser contatado, o condutor passará por uma análise de risco, como acontece em outras soluções como Uber e iFood, por exemplo. Uma vez aprovado, o motorista realizará um treinamento completo, de forma presencial. Nele, o prestador de serviço aprenderá como baixar e usar o aplicativo, como é o processo de carregamento de produtos e também terá alguém da Logbee ao seu lado nos primeiros carregamentos, para que ele se familiarize com os processos e se sinta mais seguro nos primeiros passos.

App da Logbee: rotas de entregas com foco em quem mora na região

"Nosso treinamento é baseado em uma das mais importantes filosofias do Magalu: cuidar de pessoas", reforça Maia. "Por isso, há um acompanhamento constante, para não deixar nossos prestadores sem suporte".

No dia a dia e pagamentos

Uma vez realizado o treinamento, o motorista recebe em seu aplicativo as oportunidades de rotas para realizar a entrega diária dos produtos. Para carros de passeio, é possível entregar até 60 encomendas por dia. Já para SUVs, essa média sobe para 100 produtos.

Dentro do aplicativo, todo o roteiro de entregas é bem ilustrado no mapa, bem como o manuseio do app durante as corridas é bastante intuitivo. As rotas são monitoradas e os contatos com o motorista são permanentes, para garantir que tudo corra bem. E caso o carro do prestador de serviços apresente algum problema, outro é enviado para buscar os pacotes restantes para entrega.

Já na questão dos pagamentos pelas entregas, os prestadores de serviço recebem quinzenalmente. Durante a jornada, a Logbee envia a eles, por e-mail, um extrato quinzenal com os valores a serem depositados. O pagamento pode ser feito tanto para pessoa física, quanto pessoa jurídica.

Uma cultura que privilegia bairros mais distantes

Outro diferencial do sistema da Logbee / Magalu é que as rotas direcionadas a cada motorista são, na medida do possível, sempre próximas, da região onde ele mora. "Temos uma cultura que privilegia o bem-estar das pessoas, independente de onde elas moram. Logo, nosso app procura oferecer ao prestador de serviços rotas que estejam na região onde ele vive e no qual está mais familiarizado", explica Maia. "Esse fator pode tanto facilitar a vida dos nossos motoristas, quanto agilizar as entregas, já que conhecer a região de atuação permite a busca por rotas alternativas quando você fica parado no trânsito".

Magalu: entrega ágil até mesmo nos bairros mais distantes por meio da Logbee

Além disso, esse sistema de rotas privilegia bairros mais distantes, principalmente aqueles localizados nas grandes capitais, como São Paulo. "Bairros paulistanos mais distantes e cidades na Grande São Paulo, por exemplo, serão os grandes beneficiados e terão as entregas facilitadas pelo nosso sistema", explica Maia. "Locais como Mogi das Cruzes, Carapicuíba, Cotia, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Suzano, Itaquera, entre outros, terão a atuação de entregadores que moram e conhecem bem essas regiões. Dessa forma, eles podem realizar as entregas de forma mais ágil e, no fim do dia, chegar em casa com mais rapidez".

Ficou interessado? Então é só visitar o site da Logbee e fazer o seu cadastro. Bom trabalho!

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.