Siga o @canaltech no instagram

Amazon deve fechar seu marketplace na China em julho deste ano

Por Rafael Rodrigues da Silva | 17 de Abril de 2019 às 22h30
Tudo sobre

Amazon

Saiba tudo sobre Amazon

Ver mais

De acordo com o que fontes internas da Amazon revelaram anonimamente para a Reuters nesta quarta-feira (17), a empresa irá fechar seu marketplace na China em julho deste ano.

De acordo com estas fontes, a Amazon do país não irá acabar de vez, mas sim finalizar toda a operação de vendas domésticas. Isso quer dizer que a Amazon China continuará vendendo Kindles, livros digitais e produtos originários de outros países (como os Estados Unidos e o Japão) para o público chinês, mas não será mais possível comprar qualquer produto da própria China na loja virtual.

As fontes revelam que a Amazon irá fechar todos os seus centros de distribuição e acabar com o suporte para vendedores locais nos próximos 90 dias, mas que a mudança não irá afetar outros setores da empresa, como o Amazon Web Services (que vende banco de dados e servidores virtuais para o setor corporativo).

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A Amazon está presente no país desde 2004, quando comprou a loja virtual local Joyo.com, e em 2011 entrou oficialmente no mercado ao renomear o site para Amazon China. Apesar disso, ela nunca conseguiu verdadeiro destaque no mercado do país, e sempre ficou bem atrás do Alibaba e do JD.com — gigantes que segundo a empresa de análise de mercado iResearch Global dominam 81,9% de todo o mercado de vendas virtuais do país oriental.

Fonte: CNBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.