Homem desaparecido há 22 anos é encontrado nos EUA graças ao Google Maps

Por Natalie Rosa | 13 de Setembro de 2019 às 19h25
Captura de tela/Google Maps
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

Há quase 22 anos, o desaparecimento de um homem na Flórida se tornou um mistério nunca resolvido, deixando muitas interrogações nas autoridades dos Estados Unidos. Agora, depois de mais de suas décadas, o caso finalmente foi resolvido graças ao Google Maps.

William Earl Moldt, 40, desapareceu no dia 7 de novembro de 1997, quando retornava de uma casa noturna na cidade de Lantana. Seus restos mortais foram encontrados no dia 28 de agosto, quando um carro foi visualizado em um lago em Wellington, também na Flórida, de um condomínio residencial. O flagra foi feito por um morador.

Imagem: Captura de tela/Google Maps

O veículo, de fato, pertencia a William. "Surpreendentemente, o carro estava completamente visível em uma foto de satélite do Google Earth desde 2007, mas aparentemente ninguém percebeu isso até 2019", revelou a equipe do Charley Project, responsável por investigar casos de pessoas desaparecidas nunca resolvidos.

O departamento de polícia do condado de Palm Beach foi atrás da recuperação do carro, encontrando-o altamente calcificado não muito longe de onde a imagem mostrava em 2017. Os ossos de Moldt também estavam no carro.

O lago é de retenção e está em um condomínio residencial que, na época do acidente, ainda estava em construção.

Fonte: CNET

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.