Essa moça criou uma engenhoca capaz de retroiluminar seus implantes de silicone

Por Patrícia Gnipper | 03 de Agosto de 2018 às 12h23

Cyberpunk da vida real: a chinesa Naomi Wu, cujo apelido é SexyCyborg, é apaixonada por tecnologia e cultura futurista. Ela aproveitou suas habilidades com o DIY ("do it yourself", ou "faça você mesmo" em português) e decidiu criar uma engenhoca acoplada a um corset para fazer com que seus seios fiquem iluminados.

No vídeo em que explica como foi o desenvolvimento e construção do equipamento, a moça demonstra o que chamou de Sistema de Transiluminação de Implante com Fibra Óptica Cyberpunk, um aparelho com dois cabos de fibra óptica iluminados que, ao serem presos às laterais do espartilho (ao lado de cada seio), é capaz de retroiluminar os implantes de silicone.

A coisa funciona mais ou menos como quando você ilumina sua mão ao colocá-la em frente a uma fonte de luz, por exemplo. "Eu desenvolvi e construí um dispositivo que tira vantagem de algumas das propriedades únicas de difração de luz dos meus implantes", explica ela na descrição do vídeo. O look é digno de ficção científica, chamando a atenção principalmente à noite, quando os seios são devidamente iluminados.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Será que a moda pega? Bom, se as fãs do cyberpunk que têm implantes de silicone em seus corpos vão se interessar pela novidade a gente não sabe, mas vale ressaltar que Wu, no ano passado, lançou tendência quando publicou um vídeo mostrando como ela criou seus próprios cílios postiços com LED — algo que a gente já começou a ver o pessoal usando em baladas e festas à fantasia por aí.

Fonte: Geekologie

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.