7 filmes sombrios e adultos que a Warner pode fazer depois de Coringa

Por Claudio Yuge | 29 de Outubro de 2019 às 11h36
dc comics

Até algumas temporadas recentes, ter um filme Rated-R, mais conhecido por nós brasileiros como “acima de 18 anos”, poderia ser um “tiro no pé” para os estúdios que adaptam filmes de quadrinhos — afinal, a bilheteria de obras infanto-juvenis sempre dependem das crianças e adolescentes, pelo menos na teoria e no histórico recente. Mas, após o sucesso estrondoso de Deadpool e Coringa, o mercado parece absorver em massa esse filão em uma faixa mais adulta.

Pensando nisso, o Canaltech listou algumas das produções que poderiam se desvencilhar das amarras da classificação etária para abusar de violência gráfica e outras coisas que são normalmente barradas pelos executivos. O extinto selo Vertigo/DC seria um prato cheio para isso.

1. Lobo

(Imagem: Reprodução/DC Comics)

Ele nasceu para ser uma resposta da DC Comics para o Wolverine, mas, com o tempo, foi ganhando seu próprio estilo e história. Sua adaptação poderia seguir a fórmula de sucesso de Deadpool, com ultraviolência banalizada e humor ácido — o que já está presente em vários dos especiais da editora criados pela dupla Keith Giffen e Simon Bisley.

2. Exterminador

(Imagem: Reprodução/WB Games)

O personagem já apareceu em Arrow e sempre está nas animações adultas, assim como tinha planos de ser introduzido em uma sequência da Liga da Justiça ou mesmo em Batman. Esse seria o momento ideal para mostrar como Wade Wilson se tornou um dos maiores assassinos e mais difíceis oponentes da DC Comics. Para evitar comparações, seria melhor uma produção com tom diferente do que vimos em Deadpool.

3. Liga da Justiça Sombria

(Imagem: Reprodução/DC Comics)

Esse é mais um projeto que, na verdade, estaria sendo gestado pela DC Films já há algum tempo — Guillhermo del Toro, que tinha até mesmo pensando em um roteiro para a adaptação, deixou a pré-produção há alguns anos. Uma equipe da Liga tratando com o sobrenatural, em tom de filme de terror, seria demais, ainda mais com personagens como Monstro do Pântano, Zatanna, Deadman, John Constantine e Etrigan.

4. Constantine 2

(Imagem: Reprodução/DC Comics)

Embora o primeiro filme tenha focado apenas na faceta exorcista e Keanu Reeves não seja assim tão parecido com a contraparte de papel, o personagem é um favorito dos fãs e a versão de Matt Ryan é realmente muito semelhante a das revistas — inclusive com a caracterização de mago de rua e detetive do oculto. Ou seja, John Constantine merece uma continuação, seja com Reeves (que está em alta) ou com Ryan.

5. Morte

(Imagem: Reprodução/Vertigo/DC Comics)

O universo mais sombrio Rated-R é perfeito para a irmã mais velha de Sandman. Material para isso não falta, especialmente a minissérie O Preço da Vida, que poderia se passar nos anos 90, época que foi publicada e que aborda um adolescente pensando no suicídio após a morte de Kurt Cobain.

6. Daytripper

(Imagem: Reprodução/Vertigo/DC Comics)

Este aqui poderia ter uma pegada mais adulta e crua, mas não exatamente nos moldes violentos do Coringa. Uma produção menor, mais “pé no chão” e com pegada autoral — que são características da obra original dos brasileiros Gabriel Bá e Fábio Moon.

7. Homem-Animal

(Imagem: Reprodução/Vertigo/DC Comics)

Este é um personagem que mostra bem um tom que a Warner Bros/DC Films pode estabelecer nas telonas. O Homem-Animal foi quem abriu caminho para sincronizar histórias do universo Vertigo nas tradicionais narrativas heroicas do Universo DC. Nos cinemas, ele poderia fazer algo parecido, com tramas malucas envolvendo mensagens ambientais.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.