Apple detalha funcionamento do HomePod e como está tornando Siri mais responsiva

Por Jessica Pinheiro | 06 de Dezembro de 2018 às 21h00
Tudo sobre

Apple

Através de uma informativa e detalhada publicação em seu blog, a Apple explicou como funciona a engenharia do software de som e fala do HomePod, seu speaker inteligente lançado no início de 2018, e também explica como o aprendizado de máquinas vem sendo o foco da empresa para tornar a Siri mais responsiva — de modo que ela consiga atender às demandas de seus usuários mesmo que eles estejam em outro cômodo, ou caso a música esteja alta demais no ambiente.

Por sinal, este é um dos problemas que a Apple tenta contornar. Para tanto, a companhia não usa apenas métodos de aprendizado de máquinas, como também vários microfones, filtragem multicanal com base em aprendizagem profunda (para remover o ruído de eco e de fundo) e aprendizado não supervisionado para separar fontes simultâneas de som — isto é, selecionar a voz do locutor e eliminar falas interferentes, focando no comando do usuário.

Dentre diversos outros tópicos nos quais a equipe explica o cancelamento e supressão de eco, redução de ruído com máscaras e diversos outros detalhes técnicos, a Apple também descreve que o “o desempenho do aprimoramento da fala melhorou substancialmente devido ao aprendizado profundo”, o que faz sentido com a decisão da companhia de se focar nessa tecnologia nos últimos dois anos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O Neural Engine do A12 do iPhone e o A12X do iPad Pro são os mais recentes e poderosos chips desenvolvidos pela Apple. Além disso, vale dar uma conferida na publicação para checar como todo o procedimento é feito; afinal, é fácil entender o que é aprendizagem de máquinas, mas assimilar como essa tecnologia funciona e explicar como ela é aplicada em dispositivos atualmente, de modo que não fique parecendo uma propaganda falsa, é uma tarefa árdua.

Fonte: Ars Technica

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.