Empresa americana lança van 100% autônoma para entregas

Por Felipe Ribeiro | 07 de Fevereiro de 2020 às 14h40
Nuro

A Nuro, empresa de robótica conhecida por seus veículos de entrega autônomos, acaba de lançar mais um produto no mercado americano que promete revolucionar o sistema de delivery: chamado de R2, ele nada mais é do que uma van que não precisa de nenhum ser humano para funcionar e executar suas tarefas de delivery. Prova disso é que o carrinho não tem volante, pedal ou retrovisor. 

O Governo dos Estados Unidos é bem rigoroso com veículos autônomos e exige que eles estejam preparados para que uma pessoa os controle em caso de necessidade, mas o R2 conseguiu a isenção dessa obrigação devido à sua velocidade: ele não passa de 25 km/h. Os testes estão acontecendo em Houston, no Texas, sob a supervisão do Departamento de Transportes dos EUA.

Em contrapartida, a Nuro terá que relatar todas as informações sobre a operação do R2 e entrar em contato com as comunidades onde o veículo será testado.

"Avançando, precisamos modernizar os regulamentos existentes que nunca imaginaram um veículo sem motorista ou ocupantes, e todos na indústria devem trabalhar para garantir que a tecnologia de direção autônoma seja testada e implantada nos veículos mais seguros possíveis", escreveu Dave Ferguson, cofundador da Nuro.

Imagem:Nuro

Observando a autorização da Nuro, a General Motors também solicitou uma isenção para testar a versão autônoma do Bolt, o carro elétrico da marca. Isso, porém, pode não acontecer, já que o carro tem velocidade máxima bem maior do que o R2. O Canaltech, aliás, já teve a chance de testar brevemente o Chevrolet Bolt convencional aqui no Brasil.

Mais detalhes

Os novos R2 da Nuro foram projetados para operar sem humanos no comando. A empresa retirou todos os espelhos e para-brisas laterais, o que permite que todo o aparato de segurança seja monitorado pelas câmeras 360º, que são posicionadas atrás do veículo e que ajudam, também, no movimento do carro, que também usa um radar e imagens térmicas.

O veículo possui uma estrutura em forma de ovo menor do que a maioria dos carros nos EUA. Ele também possui dois compartimentos com temperatura controlada para entregas. As portas se levantam para mostrar os itens depois que um código é inserido pelo destinatário.

Ainda não está definido como os testes serão feitos e quais empresas participarão do processo. Quando o R1 foi produzido, marcas como Domino's Pizza, Walmart e Kroger tiveram seus produtos entregues pelo carrinho. 

Fonte: BBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.