Publicidade

Carro com bafômetro pode ser realidade e nem funcionar em caso de embriaguez

Por| Editado por Jones Oliveira | 18 de Abril de 2023 às 13h00

Link copiado!

West Midlands Police/Flickr
West Midlands Police/Flickr

Um projeto nos EUA promete mudar de vez a indústria automotiva. A partir de 2026, todos os carros novos no país obrigatoriamente deverão ser equipados com um bafômetro ou equipamento capaz de detectar álcool no sangue do motorista. Caso detectado um padrão acima do permitido pela lei, o carro nem sairia do lugar.

A ideia faz parte de um plano encabeçado pelo presidente Joe Biden (DEM), chamado de Infrastructure Investment and Jobs Act (Ato para empregos, investimentos e infraestrutura, na tradução livre). A questão é que nenhuma empresa no país domina essa tecnologia, sendo necessária a importação desse tipo de equipamento.

Segundo o pessoal do Automotive News, apenas uma fabricante no mundo sabe como trabalhar com esse bafômetro especial: a japonesa Asahi Kasei, que possui uma subsidiária sueca chamada Senseair, capaz de desenvolver o equipamento em larga escala.

Continua após a publicidade

Os executivos da Asahi Kasei, por exemplo, são mais céticos quanto ao tempo hábil para criar esse dispositivo, já que seria necessária uma transformação brusca em como os carros são feitos, além de afetar toda a cadeia de condutores e fornecedores de outras peças. O ano de 2026 pode ser um prazo otimista demais.

O governo dos EUA já trabalha com outras alternativas caso esse bafômetro não saia do papel. Existem equipamentos capazes de detectar o nível etílico do motorista por meio das mãos ou análise da respiração. Nos Estados Unidos as mortes no trânsito em decorrência de embriaguez são 10 mil por ano, ou 30% do total. Por lá, não existe uma lei seca como no Brasil, mas sim um limite máximo de álcool no sangue.

A medida ainda deve ser discutida com mais afinco pelos órgãos reguladores do trânsito nos EUA. A União Europeia também é outra região que discute o uso dessa tecnologia.

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Fonte: Automotive News