Bugatti lança carro mais caro da história por R$ 72,5 milhões

Bugatti lança carro mais caro da história por R$ 72,5 milhões

Por Felipe Ribeiro | 12 de Março de 2019 às 12h40
Bugatti

Preparem a carteira! A Bugatti sempre foi conhecida por fazer automóveis de altíssima performance e preços não menos chamativos. Para se ter uma ideia, o modelo de entrada da marca francesa, o Bugatti Chiron, custa cerca de US$ 3 milhões (R$ 11,4 milhões). A criação mais recente da Bugatti, no entanto, define uma nova barreira em preço e exclusividade. O La Voiture Noire custará incríveis US$ 19 milhões (R$ 72,5 milhões), incluindo impostos. Antes dos impostos, o carro custava US$ 12,5 milhões (R$ 47,5 milhões).

De acordo com a Bugatti, o La Voiture Noire é o carro novo mais caro já vendido e apenas um será feito. A montadora não revelou a identidade do comprador, mas, certamente, é alguém com um enorme apego à marca. Também é, claro, alguém com uma conta bancária bem recheada.

O La Voiture Noire da Bugatti foi projetado para recordar o Bugatti Type 57 SC Atlantic, da década de 1930. Apenas quatro desses carros foram feitos e, hoje, estão entre os mais valiosos do mundo. De acordo com a Hagerty Insurance, empresa que pesquisa valores de carros de coleção, eles podem valer mais de US$ 50 milhões (R$ 191 milhões). Um desses modelos, inclusive, ficou conhecido como "La Voiture Noire" (carro preto, em francês). Sabe-se que apenas três exemplares estão "vivos". O quarto parece ter desaparecido pouco antes da invasão alemã na França, durante a Segunda Guerra Mundial.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A máquina preta

Apesar de custar muito mais do que o Chiron e o Divo, o La Voiture Noire traz o mesmo motor dos irmãos: o famoso W16 8.0 com quadriturbo, que gera monstruosos 1.500 cv e 163,2 kgfm de torque, quase um Uno com escada no teto.

Toda carroceria do La Voiture Noire foi construída em fibra de carbono preta banhada em verniz ultrabrilhante. Os faróis são inteiramente em LED e os frisos atravessam toda a carroceria ao centro, que ganha a companhia do limpador de para-brisa para se estender visualmente pelo vidro dianteiro.

A traseira traz lanterna constituída por uma enorme barra de LED decorada na parte superior, lembrando muito modelos da McLaren, como a McLaren Senna.

Fonte: CNN , Forbes

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.