Cientistas criam câmera capaz de reconhecer pessoas em até 48 km de distância

Por Natalie Rosa | 10 de Maio de 2019 às 16h05
Reprodução

Pesquisadores da Universidade de Ciência e Tecnologia da China acabam de anunciar a criação de uma câmera acessível, mas poderosa, desenvolvida para fazer o reconhecimento de pessoas e objetos a uma distância de até 45 quilômetros. O dispositivo, mais ou menos do tamanho de uma caixa de sapato, utiliza inteligência artificial e tecnologia a laser para chegar a esse alcance.

Os pesquisadores conseguiram, com o projeto, descobrir uma forma de fotografar pessoas e objetos a longa distância, mesmo em ambientes com neblina. Para isso, foram combinados detectores de fóton único com algoritmo de geração de imagens computacional, estes capazes de obter capturas em altíssima resolução.

Testes mostram como a imagem é capturada a longa distância (Reprodução: University of Science and Technology of China)

Segundo os cientistas, o laser infravermelho de 1.550 nanômetros é usado para penetrar em barreiras como fumaça ou neblina, e não é prejudicial ao olho humano.

A câmera é uma grande evolução para tecnologias deste tipo. Dispositivos mais antigos, por exemplo, são capazes de fazer essa captura em apenas até 16 quilômetros.

O uso da câmera poderá ser direcionado a sensoriamento remoto e vigilância aérea, abrindo ainda caminho para imagens ópticas em 3D de alta resolução, rápidas, de baixa potência e de alto alcance.

Fonte: BGR

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.