Elon Musk diz que “considera” fechar capital da Tesla e ações disparam

Por Wagner Wakka | 07 de Agosto de 2018 às 17h05
TUDO SOBRE

Tesla

Um tweet de Elon Musk fez com que as ações da Tesla parassem de ser negociadas na tarde desta terça-feira (7). A questão é que o CEO da empresa disse considerar fechar o capital da companhia e colocar a US$ 420 cada ação, o que representaria um crescimento de 22% em relação ao valor atual.

Tal possibilidade gerou uma corrida por ações e fez com que os papéis da Tesla subissem na casa dos 6%. Antes do comunicado, as ações eram negociadas em torno de US$ 340 e US$ 345, sendo que o tweet elevou o número para casa dos US$ 370 – quase US$ 30 a mais.

Junto disso, houve a notícia de que um fundo soberano da Arábia Saudita havia comprado uma participação na Tesla de US$ 3 bilhões, o equivalente a quase 5% da empresa. Embora tenha recebido o montante, nem mesmo a Tesla ou Musk tiveram acesso a quem fez essa compra, pois se trata de um fundo e não uma pessoa física ou empresa.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Após o anúncio, Musk foi questionado se sairia do comando ou se trataria de uma venda definitiva da Tesla. “Não tenho controle dos votos agora e não espero que nenhum acionista venha a ter se nós fecharmos. Eu também não venderia [a Tesla] em nenhum dos cenários”, rebate Musk.

Com esta instabilidade, as negociações de ações da Tesla foram encerradas no dia.

Musk e a Tesla

A liderança de Musk é um ponto controverso para parte dos investidores da empresa. Em entrevista para o Financial Times, um ex-acionista da empresa Harvey Pitt informou que este anúncio não tem precedentes e levanta questionamentos sobre as reais intenções de Musk. Contudo, vale ressaltar que, legalmente falando, Musk não pode fazer este tipo de anúncio apenas para erguer as ações da empresa.

Atualmente, a Tesla passa por um momento de instabilidade com fechamento de trimestre no vermelho. Foram USS 742,7 milhões em prejuízo no segundo trimestre de 2018, acima dos US$ 401,4 milhões registrados no começo do ano.

Fonte: Quartz, Finantial Times

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.