Saiba como o Waze vai ajudar você a planejar rotas de maneira mais eficaz

Saiba como o Waze vai ajudar você a planejar rotas de maneira mais eficaz

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 28 de Julho de 2021 às 08h35
Reprodução/Waze

O Waze é um poderoso aliado de motoristas para evitar os transtornos de um engarrafamento ou para encontrar o melhor caminho para um local desconhecido. Agora, o aplicativo quer ir além e oferecer avisos antes de você iniciar o trajeto.

No modelo atual, o programa recalcula a rota caso ela esteja com lentidão ou acidentes, mas somente após o motorista já ter começado a rodar. Com a mudança, o algoritmo do app deve calcular todo o trajeto da rota para mostrar rotas alternativas, níveis de tráfego, relatórios em tempo real e informações sobre pedágios.

O trajeto mostrará todos os devios e demais problemas (Imagem: Reprodução/Waze)

Tudo isso será exibido de uma forma sucinta e imediata. A ideia é fornecer rotas alternativas para o motorista evitar entrar numa enrascada, como uma obra na via ou um desvio inesperado, e ficar preso em um trânsito terrível, sendo que poderia ter pegado uma estrada alternativa lá no começo do trajeto.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A empresa de propriedade do Google renovou a tela de antes do trajeto no Android e no iOS para fornecer mais informações ao condutor. Assim, ele tem condições de analisar todas as hipóteses e variáveis antes de escolher pode onde seguirá o caminho. Se a pessoa quiser, ela ainda poderá optar pelo trajeto tradicional com todos os impedimentos — só não pode reclamar do Waze depois.

Essa novidade deve ajudar a entender como o app toma decisões e também oferecer mais liberdade de escolha. É uma das atualizações mais relevantes do serviço nos últimos tempos, razão pela qual você deve atualizar o programa assim que possível.

Gostou da novidade ou acredita que ela terá pouco impacto? Comente.

Fonte: Waze  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.