Google Maps para celular enviará alertas de trânsito durante a pandemia

Por Diego Sousa | 08 de Junho de 2020 às 20h00
Reprodução
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

Muita coisa mudou em 2020 por conta da pandemia de COVID-19, mas talvez um dos maiores impactos até agora seja o deslocamento. Seja para viajar ou apenas para ir de casa até o trabalho — para aqueles que não podem fazer home office —, tudo mudou com a chegada do novo coronavírus. E é pensando nesse "novo normal" que o Google disponibilizou, nesta segunda-feira (8), os novos recursos para usuários do Google Maps.

Alertas de trânsito e restrições

A principal funcionalidade são os novos alertas de trânsito. Agora, será possível ter uma ideia se o metrô ou uma linha de ônibus está muito cheio, se há necessidade de usar máscara para se locomover e se algum serviço foi suspenso pelas autoridades. O Google usará dados de agências locais para fornecer esse tipo de informação ao usuário.

A boa notícia é que o Brasil será um dos primeiros países a receberem o recurso, que também valerá para Argentina, Austrália, Bélgica, Colômbia, Espanha, Estados Unidos, França, Índia, México, Países Baixos, Reino Unido e Tailândia.

Além dos alertas de trânsito, o Maps também alertará sobre os pontos de verificação e restrições da COVID-19 ao longo do caminho — como ao atravessar fronteiras nacionais. Após iniciar a navegação, o app mostrará se sua rota foi afetada pelas medidas restritivas impostas pela pandemia. Inicialmente, a novidade estará disponível apenas no Canadá, México e EUA.

Novidades estarão disponíveis no Brasil (Foto: Divulgação/Google)

Outras novidades

Desde fevereiro, o Google estava planejando algumas mudanças no app com o objetivo de ajudar o usuário a se descolar usando seu meio de transporte preferido. Em evento de comemoração aos 15 anos do serviço, a empresa afirmou que 60 cidades do país passariam a ter informações sobre horários e paradas de ônibus municipais, além de novas rotas.

Agora, o Google está disponibilizando a possibilidade dos próprios usuários contribuírem com informações de aglomerações de tráfego para suas linhas de transporte público. Sendo assim, será possível pesquisar direções e horários de pico em pontos de ônibus.

O Google usará dados de agências locais para fornecer esse tipo de informação ao usuário (Foto: Divulgação/Google)

Previstas para serem introduzidas em março, as informações sobre temperatura, acessibilidade, vagão feminino e segurança a bordo também já estão disponível para o Google Maps.

"A COVID-19 certamente impactou a maneira como nos movemos pelo mundo", disse o Google em comunicado nesta segunda-feira (8). "À medida que cidades e países em todo o mundo se adaptam, temos o compromisso de levar as informações mais pertinentes ao seu alcance. Assim, quando estiver pronto e apto, você poderá se aventurar com segurança", finaliza a empresa.

Baixe o Google Maps no seu celular

Download: Android | iOS

Fonte: Google  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.