GitHub anuncia aplicativos oficiais para Android e iOS

Por Rafael Arbulu | 14 de Novembro de 2019 às 18h20

O GitHub está no mercado há tanto tempo e tem tantas funções disponíveis na plataforma que, às vezes, até esquecemos que ele não tinha uma coisa bastante básica: seu próprio aplicativo para smartphone. Não “tinha”, pois a empresa, que foi comprada pela Microsoft em 2018 por US$ 7,5 bilhões, anunciou a chegada de seu app oficial para iOS e Android durante evento realizado ontem (13).

A chegada dos apps oficiais para o repositório de softwares de código aberto pode soar como uma surpresa para muitos, mas a comunidade desenvolvedora nunca de fato estranhou a ausência deles na plataforma: convenhamos, embora seja possível escrever linhas de programação pelo smartphone, esse tipo de trabalho ainda é melhor conduzido em um desktop ou laptop. Talvez por isso, o app oficial do GitHub trará algumas funções mais essenciais de seu serviço, como responder a questionamentos dos usuários, ler relatos de bugs em softwares nele hospedados e assinalar funções e trabalhos para outros desenvolvedores direto do celular.

Depois de 11 anos de vida, o GitHub enfim ganhará seus aplicativos oficiais para smartphones 

"O que mudou é que agora nós temos os recursos para fazer isso do jeito certo”, disse Kelly Stirman, vice-presidente de estratégia e marketing de produtos do GitHub. “Jeito certo”, segundo a executiva, significa que a plataforma não seguiu o caminho mais fácil: ao invés de pegar a navegação de seu site móvel (que sempre contou com uma interface amigável aos dispositivos de bolso), a empresa optou por criar experiências específicas dentro do aplicativo, como dispensar notificações deslizando o dedo na tela. São pequenos detalhes, mas que contam muito em favor da plataforma.

Outras novidades, que se integram aos apps em si, são as GitHub Actions, que permite que desenvolvedores determinem uma função de prioridade em relação a quais notificações e mensagens chegam a eles primeiro, além de executar, e não apenas hospedar, certos tipos de códigos pelo próprio GitHub. Finalmente, uma integração com o Slack permitirá que desenvolvedores que trabalham em um projeto se correspondam e marquem lembretes pelo aplicativo de chat e fluxo de trabalho.

Por enquanto, apenas a versão iOS do aplicativo oficial do GitHub está disponível, com um lançamento em beta. Ainda não há previsão para a chegada definitiva nem para seu lançamento no Android.

Fonte: Wired

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.