Publicidade

CPF Digital | App oficial está disponível para Android e iOS; saiba como usar

Por| 15 de Maio de 2020 às 10h53

Link copiado!

Serpro
Serpro
Tudo sobre Receita Federal

A Receita Federal e a Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados) lançaram oficialmente o aplicativo CPF Digital. Disponível para Android e iOS, o app exibe na tela do celular ou tablet o cartão do documento, além de permitir consultar a restituição do Imposto de Renda.

Além de servir como versão digital do documento, o app inclui ainda um atendimento virtual que permite tirar dúvidas sobre o IRPF 2020. O chat informa sobre quem é obrigado a declarar o imposto, prazo para entrega (estendido para 30 de junho devido à pandemia da COVID-19), multas, restituição, isenções e outros dados.

Como usar o CPF Digital

Para usar o aplicativo, é preciso ter uma CNH (carteira de motorista) atualizada com identificação biométrica e CPF regularizada. Segundo o governo, o app poderá seu usado no futuro para obter auxílio junto aos órgãos do Ministério da Economia.

Continua após a publicidade

Passo 1: o primeiro passo após a instalação do app é confirmar os dados do CPF e data de nascimento. Caso o usuário não tenha cadastradas informações biométricas na carteira de motorista (CNH), o aplicativo exibe uma mensagem de "Validação biométrica indisponível" e interrompe o uso. Caso contrário, basta tocar em "Próximo".

Passo 2: depois, o aplicativo exige a aceitação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e dois artigos do Marco Civil da Internet. Após marcar o campo de concordância com os termos, toque no botão "Aceitar".

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Passo 3: o app vai solicitar, então, o uso da câmera para fazer uma prova de vida, com verificação dos parâmetros biométricos cadastrados com a CNH. Leia as instruções e autorize o acesso do app à câmera. Durante as fotos, remova acessórios como óculos escuros, bonés, fones de ouvido e outros objetos que cubram parte do rosto.

Passo 4: o app abrirá a câmera de selfie, com orientações para posicionar o rosto, sorrir, fechar os olhos e virar a cabeça. Siga as instruções até completar os passos. Finalizada a verificação biométrica, o aplicativo pedirá para tirar uma selfie para usar como foto do documento digital.

Continua após a publicidade

Após a prova de vida e o cadastramento da selfie para o documento digital, o aplicativo pede a criação de uma senha com quatro dígitos, usada para acessos futuros ao app.

Uso do CPF Digital

Continua após a publicidade

Além da foto cadastrada durante o registro, o app exibe a situação do documento (regular ou irregular), lista o nome completo e data de nascimento. O aplicativo fornece ainda um QR Code, que é basicamente o número do CPF codificado.

Já os recursos do atendimento interativo ainda são bem simples, restritos a informações gerais sobre o Imposto de Renda Pessoa Física 2020.

Fonte: Agência Brasil