Google Play permite que empresas criem suas próprias lojas internas de apps

Por Redação | 07.12.2012 às 15:57

O Google lançou nesta semana um novo recurso dentro da sua loja de aplicativos, a Google Play, que permite que empresas criem suas próprias lojas de apps para dispositivos equipados com Android para a distribuição interna entre seus funcionários, o Private Channel (Canal Privado, em português).

"Nós estamos expandindo a loja Google Play para os nossos consumidores de aplicativos, ajudando-os a distribuir aplicativos internos a seus funcionários através do Private Channel", escreveu a empresa em seu blog oficial. "Se você desenvolveu um aplicativo personalizado de criação de relatórios de despesas ou um localizador de sala de conferências, o Private Channel é criado para fazer com que seus aplicativos internos e organizacionais sejam encontrados pelos seus empregados de forma mais fácil e rápida".

A nova ferramenta é controlada pelo Google Play Developer Console e assim que um novo aplicativo interno é disponibilizado na loja através do Developer Console, os funcionários poderão ter acesso às aplicações usando seu e-mail empresarial. O sistema ainda permite que os administradores selecionem os funcionários que estão autorizados a acrescentar novos aplicativos no Private Channel e quais podem realizar o download das ferramentas.

Google Play Private Channel

Foto: Divulgação

Segundo o Android Police, para ativar os novos recursos o administrador dos aplicativos deverá realizar seu login no painel de controle da loja. Logo em seguida, ele deverá clicar sobre o ícone 'Organizações & Usuários' e depois deverá ativar o Developer Console no menu de 'Serviços'. Para tornar a loja privativa basta ativar a opção em 'Configurações'.

O Private Channel está disponível para os clientes Google Apps do ramo de Educação, Negócios e Governo por uma taxa de inscrição de R$ 25 (R$ 53).